José Reis - Na tarde de ontem, expositores realizavam os últimos detalhes nos estandes de livros

Foto: José Reis - Na tarde de ontem, expositores realizavam os últimos detalhes nos estandes de livros

INCENTIVO À LEITURA

10º Festival Literário inicia hoje no Matarazzo

Atividades gratuitas ocorrem até o dia 18 de agosto; contação de histórias, música ao vivo, oficinas e exposição de cordel caipira são algumas das atrações

  • 10/08/2019 07:21
  • THIAGO MORELLO - Da Redação

Tem início hoje, a partir das 10h, e vai até o dia 18 de agosto, a décima edição do FLITPP (Festival Literário de Presidente Prudente). Quem passar pelo local, durante o evento, poderá contar com uma programação variada, que vai muito além da comercialização de livros, como contação de histórias, música ao vivo, oficinas, exposição de cordel caipira e lançamento de obras na Sala de Convivência do Centro Cultural Matarazzo. A entrada é gratuita.

Ao longo da programação, o público também contará com atividades como: oficina de redes sociais literárias, oficina de livro brinquedo, minicursos, bate-papos e muitos mais. Conforme a organização, alguns nomes de destaque - convidados especiais -, “como sempre tem em todas as edições”, são mais alguns dos atrativos que chamam a atenção do público. O jornalista Xico Sá, por exemplo, é o primeiro deles, que comparece hoje na feira.

Evento esse que chega ao décimo ano. E por conta disso, faz com que ele se torne consagrado no município e também tenha um carinho especial por quem organiza. Pelo menos é dessa forma que é visto pelo chefe da Secult (Secretaria Municipal de Cultura), José Fábio Sousa Nogueira. “Por todos os eventos temos um carinho muito grande, mas por esse temos mais, por algumas questões diferenciadas”, completa.

A primeira delas, conforme o secretário, é o fato de acreditar que o “livro é o caminho para a solução de muitos problemas” relacionados aos jovens. “A leitura pode contribuir muito. E toda e qualquer ditadura, seja de esquerda ou direita, quando está sendo implantada pelos ditadores, a primeira coisa que fazem é queimar os livros de bibliotecas. É porque ali está o saber”, completa.

E num momento onde isso é muito discutido, “num momento no qual livrarias estão sendo fechadas e eventos de literatura deixando de serem realizados”, faz com que haja uma importância maior para a realização. “Que esse ano quase não existiu, por conta de corte de verbas. Mas a gente deu um jeito. Diminuímos o espaço, a quantidade de dias e aqui estamos. Que as pessoas continuem com esse vício [leitura]”, pontua.

 

Educação

E dentre todos os cunhos essenciais, como o fator cultural, bem como o econômico - uma vez que a realização “movimenta hotéis e restaurantes da cidade” -, conforme Fábio, o evento é também de grande importância para a área de educação. “Este ano, assim como nos outros, 2 mil crianças receberão um cheque livro, no valor de R$ 25” para comprar obras, seja uma no valor total ou cinco de R$ 5. A escolha é dela. “Ela levará esse livro pra casa e acreditamos que isso terá um grande valor para ela”, conclui.

 

Serviço

O Centro Cultural Matarazzo está localizado na Rua Quintino Bocaiúva, 749, na Vila Marcondes. Mais informações, como a programação completa, você pode acessar o link http://flitpp2019.com.br.

 

BOX

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DE HOJE

10h Espaço era uma vez

Contação de histórias com Juliane Motoyama (Tia Juju)

10h Espaço Sesc

Palestra: “Leitura e inclusão, do livro impresso a outras plataformas”, com Reynaldo Damásio

11h, 14h e 16h Boulervard “Os Sombras e os Temperamentais”.

Intervenção Bicicleta Literária com a Cia o Curioso

13h30 Sala 24 Escola de Artes

Oficina Ponto MIS – “Da ideia ao roteiro: aspectos elementares de criação”, com Daniela Smith

14h Espaço Sesc

Oficina redes sociais literárias com o educador do ETA (Espaço de Tecnologias e Artes) do Sesc Thermas de Presidente Prudente

14h Espaço Sesc

Oficina de livro brinquedo com coletivo Contracouchê

16h Sala de Cinema Condessa Filomena Matarazzo

Cine FLITPP – Filme “As aventuras do avião vermelho”

19h30 Teatro Paulo Roberto Lisbôa

Bate-papo com Xico Sá