Carta a você, MÃE

OPINIÃO - Neuza Gibim

Data 10/05/2020
Horário 05:55

Diante deste cenário tecnológico, resolvi escrever uma carta a você, MÃE. Quanto tempo faz que não recebe uma mensagem através de uma carta? Pois bem, ela é sua e está recheada de sentimento de gratidão e amor!

Já são quase dois meses em casa, pelo momento em que vivemos, e que talvez se sinta sobrecarregada para dar conta de tantos compromissos, que só aumentam e que você não sabe ainda por quanto tempo deverá continuar e segue em silêncio em meio a tanto barulho a sua volta.

É preciso dar conta de processos de homeschooling das crianças, afinal precisam que você ensine, supervisione e oriente, mas você se sente despreparada e nem tem tanta paciência assim, afinal você tem sua profissão, mas precisam de seu apoio incondicional diante da pandemia do Covid-19 e por elas você faz acontecer. Conheço-te bem! 

Sem contar que está realizando o trabalho, realizando o home office, e são prazos e mais prazos, precisa redefinir a agenda e criar e reinventar e estar disposta e sorridente para cumprir o seu dever profissional, garantindo o recurso financeiro tão importante e conquistado por você!

Você sente falta dos encontros com as amigas, no final da tarde, para um delicioso café, uma conversa que te reconstrói, compartilhando experiências, deixando transparecer o sorriso e/ as lágrimas, que vez ou outra brota de seus olhos. Você é pura emoção!

Sei, também, que tem cuidado dos seus pais, amigos e familiares que estão no chamado “grupo de risco” e isto te preocupa. Como criar uma rede de apoio para não os deixar sem assistência? A saudade aperta e o desejo de abraçar, sentir o beijo na face aumenta com o isolamento a cada dia, a cada hora, mas sabe que é o melhor a fazer. Resolveu viver um dia de cada vez e a dar a este suas preocupações e resoluções. Você é compreensiva!

Sabe, Mãe, quero ser como você! Não medir esforços para deixar a minha futura casa em harmonia, mesmo nos momentos mais difíceis! Quero como VOCÊ zelar pela saúde emocional e física dos meus filhos e ensinar que tudo é possível, se soubermos separar o importante do essencial!

Termino com seus ensinamentos quando diz: Tudo vai ficar bem! Cuide-se! Você é importante!

FELIZ DIA DAS MÃES!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Veja também