CDHU abre inscrições para sorteio de 202 casas em Tarabai

Processo vai de 1º a 10 de junho e os interessados devem realizar sua inscrição por meio de aplicativo de celular ou site da estatal paulista

REGIÃO - DA REDAÇÃO

Data 29/05/2020
Horário 13:37
CDHU - Casas terão dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro, lavanderia, distribuídos em 56,67 m² de área útil Foto: CDHU - Casas terão dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro, lavanderia, distribuídos em 56,67 m² de área útil

A Secretaria de Estado da Habitação, por meio da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) abre, entre os dias 1º e 10 de junho, as inscrições para participação do sorteio de 202 casas na cidade de Tarabai. As inscrições devem ser realizadas por meio de aplicativo de celular e pelo site da CDHU.

Para concorrer ao sorteio das casas, o pretendente deve fazer sua inscrição sempre por meio do aplicativo Kaizala, disponível gratuitamente nas lojas App Store e Play Store, ou pelo site cdhu.sp.gov.br. Os interessados deverão residir ou trabalhar na cidade. Será válida somente uma inscrição por família. Aqueles que participaram de outros sorteios da CDHU no município e não foram contemplados, agora podem fazer nova inscrição.

O sorteio público definirá os titulares e os suplentes para aquisição das moradias. Do total de casas, 10% são destinadas às famílias com renda mensal entre 5,01 e 10 salários mínimos, 7% às pessoas com deficiência, 5% aos idosos e 4% aos policiais ou agentes penitenciários. As demais unidades serão sorteadas entre a população em geral, após calculadas e subtraídas as unidades destinadas às pessoas que moram sozinhas (3% dos inscritos como indivíduos sós, limitado a 3% do número de moradias).

Além de morar ou trabalhar no município há pelo menos cinco anos, os interessados precisam ter renda familiar de um a 10 salários mínimos, não ser proprietário de imóvel, não possuir financiamento habitacional e não ter sido atendido anteriormente por programas habitacionais. Policiais devem trabalhar na cidade, idosos devem comprovar idade mínima de 60 anos e indivíduos sozinhos, 30 anos ou mais.

As casas terão dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro, lavanderia, distribuídos em 56,67 m² de área útil. O empreendimento, localizado no prolongamento da Rua Santa Tereza, é viabilizado pela CDHU em parceria com a Prefeitura de Tarabai. O financiamento dos imóveis seguirá as novas diretrizes da Política Habitacional do Estado de SP, que preveem juros zero para famílias com renda mensal de até cinco salários mínimos. Para as famílias com renda acima de cinco salários, o financiamento terá taxa de juros de 4% ao ano.

Assim, as famílias pagarão praticamente o mesmo valor ao longo dos trinta anos de contrato, que sofrerá apenas a correção monetária calculada pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), o índice oficial do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). As parcelas são calculadas levando-se em conta a renda das famílias, que podem comprometer, no máximo, 20% dos rendimentos mensais com as prestações.

"A CDHU inovou no ano passado, ao adotar a realização das inscrições por meio de aplicativo de celular e site. Isto evitou que as famílias tivessem que se deslocar para se candidatar à aquisição da casa própria. Em tempos de pandemia, essa medida se mostrou muito importante, já que, mesmo com o isolamento social, as pessoas mais necessitadas poderão participar do programa habitacional do Estado", afirma o secretário da Habitação, Flavio Amary.
 

Inscrição

O interessado em concorrer a um dos imóveis deverá acessar o site da CDHU (cdhu.sp.gov.br) e clicar no banner das inscrições. Em seguida, deve escolher o empreendimento da cidade onde estiverem abertas as inscrições. O candidato precisa prestar bem atenção, pois só poderá se inscrever no empreendimento do município em que mora ou trabalha.

Quem for realizar a inscrição via celular deve inserir o número de celular e será redirecionado para instalar o aplicativo Kaizala, que é gratuito e está disponível para Android e iPhone. Uma vez instalado, o interessado será incluído no grupo da CDHU. Será enviado um código de acesso por SMS ou por e-mail e o interessado deve validar o código para abrir e preencher o formulário.

Quem preferir fazer a inscrição no próprio site, utilizando o celular, deve clicar em "Prefiro inscrever-me pelo site", em vez de incluir o número do celular. Na sequência, selecionar opção "Inscrição" e seguir as orientações.

Ao concluir o processo, os candidatos receberão o número da inscrição pelo app e pelo e-mail informado.

Publicidade
eixosp

Veja também