Equipe da Central 192 realiza parto dentro da ambulância

Na 39ª semana de gestação, prudentina não conseguiu esperar chegar até o hospital e entrou em trabalho de parto

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 21/02/2020
Horário 19:06
 Cedida - Parto ocorreu durante percurso ao hospital Foto: Cedida - Parto ocorreu durante percurso ao hospital

O dia 19 de fevereiro de 2020 jamais será esquecido pela enfermeira Lairce Ferreira, pelo auxiliar de enfermagem Leandro Santana e pelo motorista e bombeiro da reserva, o soldado Antônio Carlos Nascimento Torres. A manhã tinha tudo para ser mais uma normal na rotina da equipe da Central de Ambulância 192, mas isso, até antes de um chamado vindo do Conjunto Habitacional João Domingos Netto.

Do outro lado da linha telefônica, o chamado foi para atender a mulher de 26 anos. Na 39ª semana de gestação, a prudentina não conseguiu esperar chegar até o hospital e entrou em trabalho de parto. Dessa forma, o procedimento foi realizado pela equipe dentro do veículo, na Rua Alvino Gomes Teixeira, nas proximidades da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Guanabara.

Após o parto, mãe e bebê foram encaminhados ao Hospital Estadual Odilo Antunes Siqueira e passam bem.

De acordo com o supervisor do Same (Serviço de Atendimento Móvel de Emergência), Marco Aurélio Lúcio, a Central de Ambulância conta com equipe preparada e treinada. Inclusive, ele destaca que durante o ano todos os profissionais realizam treinamentos, sendo um dos assuntos o auxílio ao parto.

“Temos parceria com a Unoeste [Universidade do Oeste Paulista] e Hospital Regional, o que permite que tenhamos acesso a informações sempre atualizadas em um ambiente propício para aprendizagem, que é o Laboratório de Simulação Realística”, pontua.

Ele diz ainda que ao longo de 2020 será dada continuidade aos treinamentos da equipe da Central de Ambulância. “Acreditamos que colaborador motivado, bem treinado e em um ambiente de serviço produz mais. Com isso, quem ganha é a população prudentina”, afirma.  

Veja também