Publicidade
eixosp

Esporte: sinônimo de mudanças na vida

EDITORIAL - Da Redação

Data 23/05/2020
Horário 04:21

Boa parte dos meninos tem o sonho de se tornar um jogador de futebol. A paixão pelo esporte começa logo na infância, e não tarda para que o pequeno esportista adquira habilidades e se torne um profissional. Claro, isso depende do estilo de vida e da realidade de cada sonhador. Mas não precisa ser um astro para que o esporte faça parte da rotina, mesmo que de forma amadora.

O importante é praticar algo que o leve para outro mundo – longe dos jogos eletrônicos, dos conflitos familiares e também da criminalidade. Na edição de sexta-feira de O Imparcial, a reportagem contou a história do estudante Lucas Queiroz Soares, 26 anos, ex-goleiro de Presidente Prudente que passou por diversos clubes regionais e estaduais. A entrada no esporte, como ele mesmo diz, ajudou “a ganhar o mundo desde bem cedo”, realidade enfrentada por muitos jovens da periferia.

É no esporte que eles veem a chance de mudar a vida da família, mais precisamente, na parte financeira e na luta contra todo tipo de preconceito. A batalha contra a discriminação é citada não apenas por Lucas, mas por esportistas famosos que contam os desafios enfrentados na corrida em busca do sonho. E é no combate que eles encontram a força dentro dos campos, quadras, o que transforma a vida e contribui para a formação do caráter de cada um.

Ajuda essa que também afasta os jovens do mundo do crime, cenário ao qual muitos estão expostos. Isso porque quando a cabeça se ocupa com alguma atividade que fuja da rotina e proporcione momentos de prazer, a contribuição é evidente!

A prova disso vem do próprio Lucas: “Foi no esporte que aprendi a ter disciplina, foco, um emocional forte”, características essas que servem de base para futuras conquistas, não apenas no futebol, basquete, voleibol..., mas na vida pessoal. Realmente, o esporte é sinônimo de mudança de vida.

Veja também