Paratleta prudentino segue treinos em casa

Lucas Henrique Santana Rodrigues, da Unimed Prudente, vem se preparando para as competições de natação, previstas para o segundo semestre

- DA REDAÇÃO

Data 30/04/2020
Horário 07:45
Arquivo Pessoal - Agora, Lucas Henrique treina em casa, visando disputar alguns campeonatos nacionais, além do Paulista Foto: Arquivo Pessoal - Agora, Lucas Henrique treina em casa, visando disputar alguns campeonatos nacionais, além do Paulista

Em casa, cumprindo a quarentena, o paratleta da Unimed Presidente Prudente, Lucas Henrique Santana Rodrigues, 21 anos, vem se preparando para as competições de natação previstas para o segundo semestre. Atualmente, ele tem se dedicado aos estudos on-line sobre marketing e feito exercícios funcionais uma vez ao dia, todos os dias da semana.

O jovem, que é prudentino, já conquistou 44 medalhas de ouro, 19 de prata e 13 de bronze, sendo recordista paulista e brasileiro nos 200 m (metros) livre. “Tudo o que quero, agora, é voltar às piscinas e à academia. Se tudo der certo, após o fim da pandemia, o calendário de competições estará recheado”, destaca.

“TUDO O QUE QUERO, AGORA, É VOLTAR ÀS PISCINAS E À ACADEMIA. SE TUDO DER CERTO, APÓS O FIM DA PANDEMIA, O CALENDÁRIO DE COMPETIÇÕES ESTARÁ RECHEADO”

Lucas Henrique Santana Rodrigues

A partir de agosto, Lucas Henrique deverá disputar alguns campeonatos nacionais, além do Paulista, Regional, Jogos Abertos e a Travessia do Rio Paraná. “Acredito que a maior dificuldade será recuperar o ritmo e a massa muscular que, em casa, a gente acaba perdendo. A carga diária de treinos na piscina é bem mais alta”, ressalta o nadador.

Ele iniciou o ano focado nos treinos e já garantia bons resultados, prevendo vaga para as Paralimpíadas 2020, por meio do Regional Circuito Loterias Caixa e 1° Nacional Circuito Loterias Caixa, porém, ambas as competições foram adiadas, sem novas datas. “Assim que tudo normalizar, continuarei focado em ter bons resultados e garantir títulos importantes”, completa o prudentino.

Foto: Arquivo Pessoal

Jovem, que é prudentino, já conquistou 44 medalhas de ouro, 19 de prata e 13 de bronze

 

 

 

 

 

Veja também