São Paulo é o Estado que mais produz limão no país

Contexto Paulista

COLUNA - Contexto Paulista

Data 12/12/2020
Horário 09:00

São Paulo é o Estado que mais produz limão no Brasil, com 1,10 milhão de toneladas produzidas em 2019, seguido por Minas Gerais (72 mil toneladas) e Bahia (65 mil toneladas). Ano passado, o valor da produção no território paulista chegou a R$ 1,152 bilhão. Segundo a Secretaria de Agricultura e Abastecimento, o limão é a terceira fruta mais exportada pelo Brasil em receita, garantindo US$ 104.617 milhões ao país em 2019, e São Paulo lidera essa produção, responsável por 55% dos embarques, cerca de 104 mil toneladas em 2019. A União Europeia é o principal destino da tahiti brasileira e há tendência de crescimento deste mercado diante do crescimento da conscientização sobre a importância dos alimentos que fortalecem a imunidade.

Concentração

Os maiores polos de plantio no Estado ficam em Bebedouro, Matão, Limeira e Votuporanga, sendo que 90% da área corresponde ao plantio de tahiti e 9% de limão siciliano. Em 2019, a citricultura gerou 48 mil vagas de empregos no Estado de São Paulo. A plantação de frutas cítricas, como laranja, limão, lima e cidra, foi responsável por cerca de  26,17% das vagas geradas em todo o Estado.

Desenvolvimento

Fernando Alves de Azevedo, responsável pela parte de melhoramento genético de limas e limões do Instituto Agronômico, acredita que a produção de limão garante empregos e necessita de mão de obra de qualidade: “Nas cidades que possuem citros em São Paulo, a gente percebe um Índice de Desenvolvimento Humano [IDH] bastante alto comparado com outros municípios que tem outras culturas que não são tão exigentes em mão de obra qualificada”.

Negócios regionais

●     O Grupo Muffato lançou o seu primeiro empreendimento em Ourinhos. O atacarejo vai gerar 400 empregos diretos e indiretos no município.
●     A empresa PSCA, pertencente ao Grupo Prima Sole Components, ampliará suas atividades em Pindamonhangaba com a entrega de uma nova linha de pintura automotiva, onde foram investidos cerca de R$ 26 milhões de reais.
●     Dados do Sebrae-SP (Serviço Brasileiro de Apoio Às Micro e Pequenas Empresas) apontam crescimento de 20,4% a criação de CNPJs pelo sistema MEI (Micro Empreendedor Individual) em Piracicaba em um ano. O número passou de 21.061 em novembro de 2019 para 25.366 no mesmo período de 2020.
●     O Sam's Club, clube de compras que pertence ao grupo Big, inaugurou loja em São José do Rio Preto.
●     A Rede Savegnago de Supermercados reinaugurou loja em Ribeirão Preto, que passa a ter um novo conceito de estrutura e atendimento.

Sinais da conjuntura

●     Pesquisa da CNI (Confederação Nacional da Indústria) revela que sete em cada dez negócios industriais já retornaram ao mesmo nível de produção e de faturamento de fevereiro, antes da pandemia.
●     O Icec (Índice de Confiança do Empresário do Comércio) de novembro cresceu 4,78% em relação a outubro, segundo a FecomercioSP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo). É a quinta melhora seguida do índice na margem.
●     O crescimento de 16% do faturamento líquido total do setor de máquinas e equipamentos em outubro, na comparação com o mesmo mês do ano passado, mostra a quinta expansão seguida do setor, segundo o Departamento Econômico da Abimaq. É também a maior alta da série.
●     O Porto de Santos atingiu em outubro a melhor marca na movimentação de contêineres para o mês.
●     86 milhões de pessoas devem ir às compras de Natal este ano no país, movimentando cerca de R$ 38,8 bilhões no setor de comércio e serviços.
●     O sistema de consórcio nos segmentos veiculares – leves, pesados e motocicletas – registra alguns indicadores positivos no acumulado deste ano, conforme balanço da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios. A entidade destaca a alta de 11,2% no total de créditos concedidos, que passou de R$ 28,
 
 

Confiança

O Icei (Índice de Confiança do Empresário Industrial) cresceu 1,1 ponto frente a outubro e atingiu 62,9 pontos em novembro. De acordo com pesquisa da CNI, a confiança está cada vez mais intensa e disseminada no setor industrial, e o indicador está mais próximo ao pico pré-pandemia. 

Sustentabilidade

A campanha “São Paulo Composta, Cultiva”, iniciativa do Instituto Pólis e apoiada por mais de 54 organizações na capital, quer mobilizar a sociedade para a importância do investimento em compostagem, que é a reciclagem de resíduos orgânicos - como sobras de alimentos e poda -, e que pode contribuir para melhorar o acesso da população a alimentos mais saudáveis, diminuir custos de produção de agricultores, além de reduzir danos ao meio ambiente.

Turismo regional

●     Lançado na região de Campionas o Plano Regional de Turismo da Região Turística Bem Viver, formada por Americana, Campinas, Elias Fausto, Hortolândia, Nova Odessa, Santa Bárbara d'Oeste e Sumaré. Segundo estudo, a maioria dos visitantes procura essas cidades para realização de negócios e em busca de tecnologia.
●     Itu passará a ter mais uma opção de lazer a partir de dezembro: um trem ligando a cidade à vizinha Salto. O Trem Republicano é uma aposta no turismo regional.
 
 

Veja também