18º Batalhão da PM comemora 51 anos de criação

Solenidade homenageou policiais em serviço e aposentados e prestou contas sobre o trabalho desenvolvido em 2016

PRUDENTE - ANDRÉ ESTEVES

Data 15/03/2017
Horário 10:21
 

O 18º BPM/I (Batalhão de Polícia Militar do Interior) promoveu, na manhã de ontem, na sede em Presidente Prudente, uma solenidade em comemoração aos 51 anos de existência. O evento contou com a presença de policiais militares ativos e aposentados, que foram contemplados com a medalha comemorativa do cinquentenário da instituição. De acordo com o comandante interino, major Carlos Vitor Negri da Silva, a ação também compôs os festejos do centenário do município, posto que a Polícia Militar "faz parte da história da cidade e serve à sua população com uma dedicação ímpar". Segundo ele, isso pode ser comprovado pelos índices criminais da região, que a colocam como "uma das mais tranquilas do Estado de São Paulo".

Jornal O Imparcial Cerimônia foi realizada na manhã de ontem, na sede do 18º BPM/I, em Prudente

Conforme Negri, considerando o universo de 100 mil habitantes, os números regionais apontam 60 delitos de roubo em 2016, ao passo que a média estadual foi de 728. Quanto ao furto de veículos, também se verifica, no mesmo período, três ocorrências na região contra 175 no Estado. O 18º BPM/I ainda efetuou, no mesmo ano, 608 prisões, o que representa 56% além da média estadual, com 390. Seguindo essa metodologia, 38 armas de fogo foram apreendidas no Estado e 44 na regional. Ademais, ocorreram 105 mil despachos de unidades de serviço para atendimento local e 2,6 mil escoltas para quase 18,5 mil presos durante atendimentos médicos e judiciais.

O comandante interino ainda ressalta as ações que denotam "a postura de responsabilidade social", como a realização de projetos sociais e campanhas educativas de trânsito, com ênfase no Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas), o qual já alcançou 120 mil crianças de escolas municipais, estaduais e privadas dos 21 municípios nos quais o batalhão atua. Negri também destaca o Sistema Órion, plataforma digital desenvolvida pelo 18º BPM/I, com o objetivo de encaminhar para a rede de proteção social os casos que não demandam apenas intervenção policial. "Com a parceria do Movimento Seja Gentil, 241 casos são compartilhados nos respectivos municípios que integram 84 órgãos da rede, tais como Caps , Cras , Creas , CMDCA , Saúde da Família, Conselho Tutelar e Assistência Social, com atenção direta de 230 profissionais, além do MP e Poder Judiciário", detalha.

 

Veja também