Ação conjunta prende quatro homens que planejavam furto a shopping em PP

Um dos criminosos estava escondido dentro de uma lanchonete, enquanto o outro estava entre as mercadorias de outra loja; estabelecimento já estava fechado e crime ocorreria na madrugada

PRUDENTE - ROBERTO KAWASAKI

Data 22/09/2021
Horário 11:50
Foto: Polícia Militar
Objetos apreendidos seriam utilizados para concretizar a empreitada criminosa
Objetos apreendidos seriam utilizados para concretizar a empreitada criminosa

Na noite de ontem, uma ação conjunta entre a Polícia Militar de São Paulo e Polícia Civil de Goiás prendeu em flagrante quatro homens que planejavam furto a um shopping center em Presidente Prudente. Dois deles foram detidos dentro do estabelecimento, que já estava fechado. 

De acordo com o 18º BPM/I (Batalhão de Polícia Militar do Interior), o Copom (Centro de Operações da Polícia Militar) foi informado pela equipe de segurança que após fecharem as portas do shopping, notaram a presença de um homem escondido no interior de uma das lanchonetes.

Após a denúncia, militares da 5ª Companhia foram ao local e constataram a presença do indivíduo, que além de escondido, portava objetos como chave de fendas e alicates, que segundo a PM, seriam usados para concretizar o crime.

“Diante das evidências, o homem optou por confessar que praticaria furto durante a madrugada”, afirma. Enquanto os militares realizavam a ação, uma equipe de policiais civis do Estado de Goiás se aproximou, e informou que o homem abordado era alvo de investigação pela prática de outros crimes em território goiano.

“Em conjunto, foram realizadas diligências que culminaram na identificação de outros dois homens envolvidos na mesma intenção criminosa”, esclarece a PM.

Um dos criminosos estava escondido entre as mercadorias de outra loja, e o segundo estava hospedado em um hotel perto do local. Outro indivíduo também foi detido.

Os indivíduos foram conduzidos à Central de Flagrantes da Polícia Civil em Presidente Prudente, onde foram autuados por tentativa de furto e associação criminosa.

Alvo de investigação

A quadrilha é alvo de investigação pela Polícia Civil de Águas Lindas (GO). Conforme o boletim de ocorrência, a organização criminosa é voltada à prática de furtos em lojas de celulares e relojoarias que ficam em shoppings de todo o Brasil. Os investigados, que têm entre 19 e 26 anos, são moradores de Santo Antônio do Descoberto (GO). 

Na quinta-feira da semana passada, eles saíram do estado goiano com destino ao Paraná, onde realizaram o reconhecimento das lojas para possível furto em shoppings centers. Os acusados estiveram em Curitiba, Ponta Grossa e Maringá, antes de chegarem a Presidente Prudente na manhã de ontem.

Após o reconhecimento do estabelecimento, dois deles retornaram a Maringá, onde fecharam a conta do hotel e voltaram a Prudente. Todas as tentativas foram frustradas. 

A Polícia Civil representou pela prisão preventiva dos investigados, que seguem detidos.
 

Veja também