Administração anterior da Prefeitura de Anhumas é alvo de operação conjunta

Polícia Civil, MPE e TCE investigam os crimes de falsidade ideológica, uso de documento falso, peculato e organização criminosa

REGIÃO - ROBERTO KAWASAKI

Data 25/02/2021
Horário 11:53
Foto: Polícia Civil
Atual administração de Anhumas colabora com as investigações
Atual administração de Anhumas colabora com as investigações

Foi deflagrada na manhã de hoje uma operação conjunta que investiga os crimes de falsidade ideológica, uso de documento falso, peculato e organização criminosa referentes à administração anterior da Prefeitura de Anhumas. Participaram das ações a Polícia Civil, MPE (Ministério Público Estadual) e TCE (Tribunal de Contas do Estado).

O nome da operação é “Tríade Anhumas”, que tem como alvos pessoas vinculadas à administração municipal anterior, cujo mandato terminou no dia 31 de dezembro.

Conforme a Polícia Civil, foram cumpridos dez mandados de busca e apreensão, expedidos pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Presidente Prudente.

A apuração é referente a inquéritos civis e ações civis públicas que apontaram aquisições fictícias de ingredientes para a merenda escolar, sequenciado pelos desvios de valores e contrafações de documentos - alterações irregulares, que foram utilizados nas respectivas prestações de contas. 

A Polícia Civil cita como um dos exemplos a aquisição de 25 kg de linguiça, mas que na hora do fechamento a quantidade registrada pulou para 75 kg. 

Agregado a isso, houve ainda aquisições irregulares de um jogo de pneus na capital paulista, que foram adimplidos em duplicidade, e pagamentos de despesas particulares pela Prefeitura de Anhumas, conforme informado pela Polícia Civil.

Diante das informações, representantes da Polícia Civil, Ministério Público e Tribunal de Contas estiveram em cinco residências e em cinco unidades do setor público municipal.

Durante as buscas foram apreendidos documentos, dinheiro, computadores, notebooks, bens patrimoniais e outros desviados da municipalidade. Todos os materiais serão periciados e anexados ao inquérito policial.

A reportagem tenta contato com a Prefeitura para obter um posicionamento sobre as ações referentes à administração municipal anterior. Mas, a Polícia Civil já adiantou que o Executivo colabora com as investigações.


Foto: Andrews Markus Bratifisch/Cedida - Documentos apreendidos serão analisados 

Veja também