Banco de Leite atende com menos da metade do número ideal de voluntárias em Prudente

Unidade possui pouco mais de 50 doadoras cadastradas atualmente, sendo que seriam necessárias 120 para atender 100% da demanda

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 28/07/2021
Horário 14:45
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil
Em decorrência da pandemia, estoques estão baixos no Banco de Leite de Prudente
Em decorrência da pandemia, estoques estão baixos no Banco de Leite de Prudente

O BLH (Banco de Leite Humano) atende em Presidente Prudente com pouco mais de 50 doadoras atualmente, sendo que seriam necessárias 120 voluntárias para atender 100% da demanda. De acordo com a enfermeira e coordenadora da unidade, Adriana Trevisan Monteiro, em decorrência da pandemia, as doações diminuíram consideravelmente e os estoques estão muito baixos. O procedimento, no entanto, é seguro neste período.

“Para colher as doações nas residências das doadoras, a equipe do Banco de Leite tem seguido todos protocolos de segurança, com uso de equipamentos de proteção e atendimento por vídeo”, explica a auxiliar de enfermagem, Cristiane Roberta Ferreira de Oliveira. Além disso, se a voluntária ou alguém do domicílio estiver com algum sintoma gripal, a doação fica suspensa por 15 dias.

Justamente com o objetivo de conscientizar a população a respeito da importância da amamentação, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) e a unidade realizam a Campanha Mundial de Amamentação, que é marcada pelo Agosto Dourado, mês de incentivo ao aleitamento materno. A cor dourada está relacionada ao padrão ouro de qualidade do leite materno.

A campanha contará com quatro banners em quatro unidades de saúde da cidade, sendo as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) Cohab, São Judas e São Pedro e a ESF (Estratégia de Saúde da Família) do Humberto Salvador; em frente ao Ambulatório onde funciona o Banco de Leite; e também na fachada do Paço Municipal “Florivaldo Leal”.

Serão distribuídos panfletos informativos sobre amamentação e doação em todas as unidades de saúde, bem como cartazes, durante todo mês de agosto, nos cinco hospitais atendidos, sendo o HR (Hospital Regional) Doutor Domingos Leonardo Cerávolo, Hospital e Maternidade Estadual Doutor Odilo Antunes de Siqueira, Hospital e Maternidade Nossa Senhora das Graças, Hospital Iamada e Santa Casa de Misericórdia.

Devido à pandemia, a campanha contará com diversas atividades online nos dias 4, 5, 9,10, 17 e 19 de agosto.

Programação do Agosto Dourado em Prudente

4 de agosto, às 19h - Live pelo Instagram (instagram.com/bancodeleitepp) do Banco de Leite Humano com a consultora de amamentação e doula (assistente de parto), Alline Matricardi. Tema: Amamentação: Uma responsabilidade compartilhada.

5 de agosto, às 13h30 - Encontro virtual do grupo Gestantes de Presidente Prudente, formado por grávidas da rede pública municipal, com a enfermeira Adriana Trevizan Monteiro e a fonoaudióloga Claudia Helena Direne. Tema: Amamentação nos dias atuais.

9 de agosto, às 19h - Live pelo Instagram do Banco de Leite Humano de Prudente, com o relato de experiência da doadora Jéssika Silva dos Anjos, que é professora assistente na Secretaria Municipal de Educação de Junqueirópolis. O bate-papo contará com a participação da pediatra e doadora, Kety Kimi Saito Katuta.

10 de agosto, às 10h - Encontro virtual com doadoras de leite humano de Presidente Prudente, com a presença da nutricionista Juliana Santiago e da pediatra Maria Helena Coimbra. Tema: Amamentação e introdução alimentar nos dois primeiros anos de vida.

17 de agosto, às 10h - Live pelo Instagram do Banco de Leite Humano com a presença da nutricionista Juliana Santiago e da pediatra Maria Helena Coimbra. Tema: Amamentação e introdução alimentar nos dois primeiros anos de vida.

19 de agosto, às 13h30: Live pelo Instagram do Banco de Leite Humano com a presença da enfermeira Adriana Trevizan Monteiro e da fonoaudióloga Cláudia Helena Direne. Tema: Amamentação nos dias atuais.

Serviço

O Banco de Leite Humano fica na Avenida Hiroshi Yoshio, s/nº, no Jardim Esplanada, dentro do prédio do Ambulatório da Unoeste (Universidade do Oeste Paulista). Para fazer a doação, basta ligar no telefone 3229-1249 e passar o endereço. A equipe leva até a residência da doadora todo o material esterilizado para a ordenha.

Veja também