Publicidade

Bebês recebem protetores faciais da Penitenciária Feminina de Tupi Paulista

Iniciativa visa proteger os recém-nascidos da Covid-19 quando necessitarem sair do presídio

REGIÃO - DA REDAÇÃO

Data 14/08/2020
Horário 14:53
Reprodução - Protetores faciais são reutilizáveis e podem ser higienizados Foto: Reprodução - Protetores faciais são reutilizáveis e podem ser higienizados

Oito bebês que habitam a Ala de Amamentação da Penitenciária Feminina de Tupi Paulista estão ainda mais protegidos contra o coronavírus. Além das mamães reeducandas utilizarem máscaras reutilizáveis, os pequenos receberam protetores faciais para recém-nascidos, conhecidos como baby newborn face shield.

O equipamento é utilizado quando as crianças precisam sair do presídio para receber vacinas ou passar por exames no posto de saúde municipal ou no HR (Hospital Regional) Doutor Domingos Leonardo Cerávolo, Presidente Prudente, evitando, assim, o contágio dentro da unidade de saúde.

Uma pequena iniciativa faz toda a diferença em tempos de pandemia, uma vez que a SBP (Sociedade Brasileira de Pediatria) não recomenda o uso de máscaras de proteção comuns até 2 anos de idade, pois há risco de sufocamento.

Os protetores faciais são reutilizáveis e podem ser higienizados com água e detergente ou álcool gel 70%.

O uso do protetor foi uma orientação dada pela médica pediatra da unidade, Carla Regina Grecco, para a diretora da unidade prisional, Adriana Alkmin Pereira Domingues.

A face shield é uma parte importante dos EPIs (equipamentos de proteção individual) para proteção contra gotículas de saliva e secreções que podem infectar o indivíduo ao entrar em contato com nariz, olhos e boca.

Reprodução/Internet - Face shield é uma parte importante dos EPIs

Penitenciária Feminina investe em higienização contra Covid-19

Covid é “bomba-relógio” nas penitenciárias

Covid ataca mais servidores que presos na região de Prudente

Veja também