CPI-8 completa 15 anos

Comando comemorou com solenidade ontem, com a presença de autoridades policiais e políticas; região ostenta o título de mais segura do Estado

REGIÃO - MARCO VINICIUS ROPELLI

Data 23/01/2020
Horário 06:12
Isadora Crivelli - Policiais militares desfilaram durante a cerimônia de aniversário do Comando
Isadora Crivelli - Policiais militares desfilaram durante a cerimônia de aniversário do Comando

Comemorou os 15 anos, na manhã da quarta-feira, o CPI-8 (Comando de Policiamento do Interior – Oito), cujo comandante, coronel PM Adilson Luís Franco Nassaro, prepara-se para a aposentadoria nos primeiros dias de fevereiro, quando entrará para a reserva da Polícia Militar. As festividades tiveram, portanto, tons de agradecimentos e despedidas.

A solenidade, realizada na sede do CPI-8, em Presidente Prudente, contou com a presença de autoridades como comandantes dos demais CPIs, coronéis da PM e o sub-comandante da PM de São Paulo, Fernando Alencar Medeiros, a maior autoridade policial presente, e a recém-empossada comandante do 18° BPM/I (Batalhão de Polícia Militar do Interior), tenente-coronel Renata Fassina. Também prestaram homenagens ao comando aniversariante representantes do poder público, tais quais o prefeito prudentino Nelson Roberto Bugalho (PSDB), que deu pausas em suas férias,  o vice, prefeito em exercício, Douglas Kato Pauluzi (PTB), o deputado estadual Ed Thomas (PSB) e diversos vereadores e prefeitos de cidades de toda região.

CPI-8 EM

DADOS

Enfaticamente repetida na cerimônia, a informação que mais se destaca é que a região de responsabilidade do CPI-8 é a mais segura do Estado, isso inclui o 18° BPM/I (Batalhão de Polícia Militar do Interior), sediado em Prudente; o 25° BPM/I, com sede em Dracena; o 32° BPM/I, sediado em Assis; o 42° BPM/I, instalado em Presidente Venceslau; e o 8° Baep (Batalhão de Ações Especiais de Policia), com sede na capital regional.

São 1.987 policiais militares que compõem todos os batalhões, atuantes em 67 municípios, que além da região administrativa de Presidente Prudente, garantem a segurança da microrregião de Assis.

CERIMÔNIA E

HOMENAGENS

A solenidade lembrou da história do CPI-8, inaugurado em 22 de janeiro 2005, homenageando, inclusive, os comandantes que já passaram pelo posto que em breve será deixado pelo coronel Franco, entre os quais, o primeiro, coronel PM José Guerra Júnior.

Também foram homenageados juízes, promotores, delegados de polícia e policiais militares notáveis, com a medalha do cinquentenário do 18° BPM/I, instituída pelo governador Geraldo Alckmin em 2016. Houve, ao final da solenidade, depois de entoado o hino da Polícia Militar do Estado de São Paulo, o desfile dos PMs, viaturas (carros e motos), do canil e da cavalaria.

DISCURSOS

OFICIAIS

Falou primeiro o prefeito Bugalho, que cumprimentou as autoridades e expressou seu apresso e estima à PM de São Paulo. Depois, o deputado estadual Ed Thomas, o qual destacou que “a segurança deve ser o maior debate deste país, e não embate”. Por fim, falou o coronel Franco, em clara despedida: “Sentimento de dever cumprido”, afirmou. “O senhor é um comandante político, muitos dizem, se isso é fazer a boa política, gosto da alcunha”, revelou o comandante que, em breve na reserva, transparece aspirações políticas. “A farda jamais sairá de mim”, enfatiza.

INÍCIO DA OPERAÇÃO

FORÇAS DO OESTE

O fim da cerimônia marcou um começo, o início da Operação Forças do Oeste, com a finalidade de fortalecer a prevenção a delitos como furto e roubo de veículos, furtos, roubos e homicídios nesta região, em comemoração ao aniversário de 15 anos do CPI-8. Para inicio da operação, o Helicóptero Águia da PM fez presença nos céus prudentinos na manhã de ontem, especialmente sobre as autoridades e amigos que tiravam fotografias, possivelmente na última oportunidade, com Franco, como comandante do CPI-8.

Veja também