Cresce o número de mortes em acidente entre carreta e ônibus na Assis Chateaubriand

No coletivo havia dois motoristas e 39 passageiros, dentre os quais cinco crianças que saíram ilesas; do caminhão morreram os dois ocupantes

REGIÃO - ROBERTO KAWASAKI

Data 22/12/2020
Horário 06:51
Foto: Reprodução/WhatsApp
Acidente ocorreu por volta das 21h33 de ontem, e vitimou mais de 20 pessoas
Acidente ocorreu por volta das 21h33 de ontem, e vitimou mais de 20 pessoas

Uma colisão entre uma carreta e um ônibus deixou ao menos 7 mortos e mais de 20 feridos na noite de ontem. A batida ocorreu no trecho de Parapuã, mais precisamente nas proximidades do km 385 da Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425).

Segundo informações do Cobom (Centro de Operações do Corpo de Bombeiros), o chamado de emergência foi por volta das 21h33. Em um primeiro momento, foram confirmadas quatro mortes, sendo outras três divulgadas pela corporação durante a madrugada.

De acordo com a equipe que atendeu a ocorrência, o ônibus de fretamento havia saído de São Félix do Xingu (PA) com destino a Carazinho (RS). No coletivo havia dois motoristas e 39 passageiros, dentre os quais cinco crianças que ficaram ilesas. 

De acordo com os bombeiros, o caminhão envolvido na batida é um bitrem, com placas de Osvaldo Cruz. Nele havia duas pessoas, que não resistirem ao impacto e morreram.

As demais vítimas, sendo 14 com ferimentos graves, foram socorridas ao pronto-socorro das santas casas de Osvaldo Cruz, Parapuã e Tupã. Já as crianças ficaram aos cuidados da equipe do Conselho Tutelar de Parapuã.

Entre os mortos já identificados estão dois irmãos moradores de Lucélia, que serão sepultados às 16h de hoje no Cemitério Municipal. Segundo a Funerária Lopes, são eles:

  • Donizete Alexandre dos Santos Filho, 30 anos (motorista da carreta)
  • Bartoganelo Alexandre dos Santos, 33 anos (passageiro da carreta)

Os nomes das demais vítimas ainda não foram divulgados. Isso porque os corpos estão no IML (Instituto Médico Legal) de Tupã, onde aguardam reconhecimento.


Reprodução/Funerária Lopes - Bartoganelo e Donizete eram irmãos e morreram

Força-tarefa

Desde os primeiros minutos após o acidente, o trânsito no local ficou impedido. Equipes da Polícia Militar Rodoviária, Corpo de Bombeiros e o resgate da Concessionária Eixo-SP estiveram empenhadas no salvamento e proteção daqueles que passavam ao redor.

Ainda não se sabe a dinâmica do acidente, mas aparentemente, trata-se de uma colisão frontal, o que será apurado pela Polícia Técnico-Científica.

As identidades das vítimas ainda não foram divulgadas. 

Foto: Portal Tupã Mais - Carreta bitrem tinha placas de Osvaldo Cruz


Foto: Portal Tupã Mais - Coletivo havia saído do Pará, com destino ao Rio Grande do Sul


Foto: Portal Tupã Mais - Dinâmica do acidente está sendo apurada pela perícia

Veja também