Dia dos Pais!

Diocese Informa

COLUNA - Diocese Informa

Data 08/08/2021
Horário 04:26

Afinal qual é o nome de Deus? Qual a Sua essência? Desde sempre Deus fora chamado por vários nomes: Elohim, ElXadai, El Betel, El ‘Olam, El Roi, El Elion, Javé, Alá. Parecia que estas atribuições a Deus não satisfaziam a sua real essência. Jesus, então, responde de maneira clara: Deus é Ábba. Isso mesmo, Deus é Pai! Pai que corrige, que admoesta, que é mestre, que é amigo, que alerta, que educa, que se enfurece, que está perto, que silencia, que é amigo, que ama. Comemorar o Dia dos Pais é pensar em homens que se colocaram à disposição de Deus e, aceitaram o chamado para colaborarem com a criação, gerando filhos e os educando. Pai é assumir com total despojamento a incrível aventura de formar honrosamente os filhos confiados. Deus quis ser pai e nos salvou pelo Seu Filho. Não existe honra maior do que ser chamado de “Pai”. Até mesmo nós padres somos chamados de Pai. Para se alcançar os méritos de um pai, é preciso apenas amar como Deus ama. Possuir o melhor pai é alegria para os filhos. Ser o melhor pai é excepcional. Seja o melhor pai que puder ser. Alguém já disse que: “ser pai é como ter dois corações e entender que o mais importante deles bate fora do nosso corpo”. Querido pai, que pelo seu testemunho, saibamos encontrar Deus, queiramos seguir seus passos e nos alegremos por ter você em nossa vida. Que Deus Ábba, Deus que é Pai, esteja contigo te fazendo forte nas batalhas, sábio nas decisões e inspirando a ser pai por todo sempre. Feliz dia. Feliz missão. Amém! (Autor: Padre Rafael Moreira Campos).

MINI SERMÃO:
19º Domingo do Tempo Comum (Jo 6,41-51)

Murmuramos diante d’Aquele que tem Palavras de vida eterna. Jesus é O Pão vivo descido do céu. Desceu para nos fazer subir ao céu. Comungar de Jesus é se nutrir de um alimento que nos faz igual a Ele. Eis o único Pão que nos faz viver para sempre. Jesus é O Pão que morreu para viver. Ele é O Pão vivo que nos nutre. Não jejue do Pão da imortalidade. Um ínfimo pedaço de pão quebradiço é a prova de que Deus não está ausente. “E quando amanhecer o Dia Eterno, a Eterna Visão, ressurgiremos por crer nesta vida escondida no pão.”(Autor: Padre Rafael Moreira Campos).

AGENDA PAROQUIAL: Paróquia Nossa Senhora Aparecida – Presidente Bernardes
Missas:
Sábado às 19h – Igreja Matriz 
Domingo às 19h – Igreja Matriz

MENSAGEM DO PAPA:
Esta palavra do Senhor surpreende-nos e faz-nos refletir. Ela introduz na dinâmica da fé, que é uma relação: a relação entre a pessoa humana — todos nós — e a Pessoa de Jesus, onde um papel decisivo é desempenhado pelo Pai, e naturalmente também pelo Espírito Santo — que aqui está subentendido. Não basta encontrar Jesus para acreditar n’Ele, não basta ler a Bíblia, o Evangelho — isto é importante, mas não basta — nem é suficiente assistir a um milagre, como a multiplicação dos pães. Muitas pessoas estiveram em estreito contacto com Jesus e não acreditaram n’Ele, pelo contrário, desprezaram-no e condenaram-no. E eu pergunto-me: por que isso? Não foram atraídas pelo Pai? Não, isso aconteceu porque os seus corações estavam fechados à ação do Espírito de Deus. E se tiveres o coração fechado, a fé não entrará. Deus Pai sempre nos atrai a Jesus: somos nós que abrimos ou fechamos o nosso coração. Ao contrário, a fé, que é como uma semente no profundo do coração, desabrocha quando nos deixamos “atrair” pelo Pai rumo a Jesus, e “vamos ter com Ele” de coração aberto, sem preconceitos; então reconhecemos no seu rosto a Face de Deus e nas suas palavras a Palavra de Deus, porque o Espírito Santo nos fez entrar na relação de amor e de vida que existe entre Jesus e Deus Pai. E ali nós recebemos o dom, o presente da fé. (Fonte: www.vatican.va/content/francesco/pt/angelus/2015)

Padre Rafael Moreira Campos    
Vigário da Paróquia São João Batista – Pirapozinho/SP
"Ouse ser o melhor. Ame!"
Instagram @padrerafaelmoreira
Facebook www.facebook.com/rafaelmoreiracampos
Informações: Cúria Diocesana (18) 3918-5000
 

Veja também