Exercício físico e estado estável

Jair Rodrigues Garcia Júnior

Foto:

Quem está habituado a correr, já teve a sensação de dificuldade no início do esforço. Porém, após 2-3 min, vem a sensação de maior naturalidade no esforço e na respiração. Isso é devido à mudança da condição de repouso para a condição de esforço, que provoca desequilíbrio nos sistemas fisiológicos muscular, cardiovascular, respiratório, endócrino e outros.

DEMANDA E DESEQUILÍBRIO
Quanto mais intenso o esforço, maior o desequilíbrio. A demanda de energia nos músculos pode aumentar até 100 vezes em comparação ao repouso, o que causa demanda proporcional nos demais sistemas fisiológicos, forçados a trabalharem também num nível aumentado. A homeostase (equilíbrio dos parâmetros fisiológicos) é perdida e há um esforço dos sistemas fisiológicos para sua recuperação.

EQUILÍBRIO POSSÍVEL
Com a demanda dos músculos aumentada, não é possível o retorno ao equilíbrio do repouso. Mas é possível, dependendo da intensidade do exercício, estabelecer o equilíbrio num nível mais elevado, o estado estável. Nesta condição, mesmo com o gasto energético aumentado, os sistemas fisiológicos podem suprir as demandas, remover as moléculas dispensáveis, controlar o pH etc.

EXEMPLO DA CORRIDA
Se o corredor consegue manter uma velocidade de 14 Km/h durante 40 min, certamente o faz na condição de estado estável. Se resolver aumentar para 16 Km/h provoca um desequilíbrio ainda maior e talvez não consiga reequilibrar, sentindo fadiga e sendo incapaz de manter o ritmo. Para esse corredor, a velocidade maior não permite a condição de estado estável.

SEDENTÁRIOS
Uma pessoa não treinada consegue manter a caminhada num ritmo de 5-6 Km/h durante 30 min em estado estável. Um maratonista mantém o ritmo de 20 Km/h durante pouco mais de 2 h em estado estável. Porém, o velocista Usain Bolt não conseguia manter sua velocidade máxima (44,72 Km/h) por mais que poucos segundos, por ser impossível a condição de estado estável em tal nível de esforço. Portanto, para todos há um limite, mas o atleta consegue obter a condição de estado estável num nível muito mais elevado.

ELEVE SEU NÍVEL
Treinar regularmente, obter adaptações, aumentar a capacidade dos sistemas fisiológicos e o nível para a condição de estado estável deveria ser um objetivo comum, pois estas condições estão diretamente relacionadas com a manutenção da saúde e aumento da longevidade. Manter a homeostase em repouso é algo banal, mas atingir o estado estável num nível mais elevado é algo que requer esforço, dedicação e constante motivação.

 Condição de estado estável deveria ser um objetivo comum.

 

Veja também