Publicidade

Família e amigos se despedem de Lincoln Macarini

PRUDENTE - THIAGO MORELLO

Data 22/01/2020
Horário 07:12
Cedida - Lincoln faleceu aos 47 anos; ele travava batalha contra um câncer Foto: Cedida - Lincoln faleceu aos 47 anos; ele travava batalha contra um câncer

Morreu no domingo, aos 47 anos, o prudentino Lincoln Maximiliano de Barros Macarini, que enfrentava tratamento contra um câncer. Esposo e pai de duas filhas, em homenagem e despedida ao ente querido, a família, esposa e filhas, ressaltam que ele foi o “melhor exemplo que” poderiam ter. Lincoln era representante comercial na área farmacêutica. À reportagem, a família esclareceu que ele trabalhava como vendedor da indústria, atuava no Brasil inteiro e amava seu trabalho, além de ser uma pessoa comunicativa, extrovertida e “extremamente competente”.

“Como pai e marido foi o melhor exemplo que podíamos ter. Íntegro, honesto, batalhador, que amava a vida e nos ensinou a amar também. Encantou a todos que conheceu e nos contagiou através de seu jeito brincalhão com muita alegria. É essa imagem que sempre teremos”, declarou a filha Tainara Macarini, em nome da família.

O corpo de Lincoln foi velado no Crematorium Londrina (PR), ontem, conforme informações da Funerária Interplan. Na cidade paranaense, ele também foi cremado, mas na tarde de ontem, às 16h. O prudentino era casado com Denise Macarini e tinha duas filhas: Julia e Tainara.

FORMAÇÃO

PROFISSIONAL

Lincoln se formou em Farmácia pela Unoeste (Universidade do Oeste Paulista) em 1993. Já entre 2004 e 2005, realizou MBA em Gestão Hospitalar e Saúde Pública, na Fundasc (Fundação dos Administradores de Santa Catarina). Atualmente, ele era coordenador de vendas públicas.

Veja também