Publicidade

Farmácia Central atende 128 mil receitas em 2018

Unidade municipal fica no centro de Prudente e para ter acesso é necessário ser prudentino, ter receita médica e cadastro na Saúde 

PRUDENTE - GABRIEL BUOSI

Data 03/01/2019
Horário 07:44
Marcio Oliveira - Farmácia Municipal Central atendeu a 128 mil receitas entre janeiro e novembro Foto: Marcio Oliveira - Farmácia Municipal Central atendeu a 128 mil receitas entre janeiro e novembro

A Farmácia Municipal Central, de Presidente Prudente, funciona desde agosto de 2011, sendo que, de janeiro a novembro de 2018, atendeu 128 mil receitas aos pacientes atendidos pelas unidades de saúde da cidade. De acordo com o secretário municipal de Saúde, Valmir da Silva Pinto, o modelo amplia o acesso dos usuários junto ao SUS (Sistema Único de Saúde), desde que haja um cadastro prévio na pasta. “Por estar situada em uma área central e com transporte público, gera facilidade aos pacientes no momento da retirada de remédios”. 

A farmácia fica localizada no centro de Prudente, entre os cruzamentos das avenidas Manoel Goulart e Brasil, e, conforme a Secretaria Municipal de Saúde, o espaço foi inaugurado com acesso externo e com horário ampliado no início de agosto de 2011, quando já mantinha serviços na área interna do até então Palácio da Saúde. “O funcionamento da unidade se dá pela dispensação de medicamentos padronizados pelo município e atendimento de componentes estratégicos, como pacientes com tuberculose e hanseníase”, informa Valmir.

Para ter acesso aos medicamentos, alguns requisitos são necessários, como ser morador de Presidente Prudente, ser dependente do SUS e ter cadastro na Secretaria Municipal de Saúde. “Os medicamentos ofertados são aqueles padronizados na Relação Municipal de Medicamentos Essenciais, que seguem uma padronização referenciada pelo Ministério da Saúde. No ano de 2018, a farmácia central atendeu 128 mil receitas de janeiro a novembro. Vale lembrar que existem outras farmácias municipais nas unidades de saúde. Somando com elas, temos um quantitativo de 733.198 receitas atendidas neste período”. Os medicamentos são comprados por licitação e o repasse é feito pelos entes federativos.

Conforme uma das funcionárias do local, Luana Orlandeli Nanci Godoi, além dos benefícios já mencionados, o que se destaca no atendimento da farmácia é o horário de atendimento, que durante a semana ocorre das 7h às 23h, e aos fins de semana, feriados e pontos facultativos, das 7h às 19h. “É importante destacar que o cadastro deve ser realizado antes e que a receita é indispensável. São cerca de 150 medicamentos dispensados somente aqui, como antibióticos e analgésicos, lista essa que é realizada a partir de um estudo epidemiológico”.

Atendidos pela unidade

Enquanto aguardava pelo atendimento, Márcia Ferrari, 50 anos, conversou com a reportagem e disse que há pelo menos três anos conta com o atendimento do local, sendo que neste período buscou inúmeros remédios ao pai que tinha câncer. “Sempre tive boas experiência aqui, pois o local é bem localizado, o horário flexível e não pagamos pelo serviço. Hoje vim para pegar medicamentos para minha mãe e nunca tive problemas”, salienta. Já Ana Gabriele Toledo, 25 anos, estava na unidade com a filha pequena que precisou de alguns medicamentos após passar por um especialista, o que para ela representa um atendimento que sempre agradou. “É importante, principalmente, pelo fácil acesso aos remédios, pois conseguimos economizar um bom dinheiro”.

SERVIÇO

Farmácia Municipal Central

Endereço: Avenida Brasil, 290 – centro

Horário de atendimento durante a semana: 7h às 23h

Horário de atendimento aos fins de semana, feriados e pontos facultativos: 7h às 19h

Veja também