Itamar Xavier participará de Bienal Europeia de Arte Contemporânea

Trabalhos com lixo eletrônico do grafiteiro prudentino estarão expostos de junho próximo a janeiro de 2022 na Finlândia e Rio de Janeiro; reconhecimento define alegria do artista!

VARIEDADES - OSLAINE SILVA

Data 25/04/2021
Horário 04:15
Foto: Cedida
A bela, ousada e polêmica  Marilyn Monroe (65x75cm) é uma das obras do artista que estará exposta
A bela, ousada e polêmica  Marilyn Monroe (65x75cm) é uma das obras do artista que estará exposta

Confirmada a participação de Itamar Xavier de Camargo na Bienal Europeia e Latino-americana de Arte Contemporânea com o tema “Sustentabilidade: A Natureza na Arte”, onde serão apresentadas obras que expressam a importância da preservação da natureza, fonte da sustentabilidade da vida do planeta Terra. 
Os trabalhos serão expostos no espaço Cabel Factory, em Helsinki – Finlândia no período de 15 de julho a 15 de agosto deste ano; no Centro Cultural Correios de Niterói, de 13 de novembro de 2021 a 16 de janeiro de 2022; no Centro Cutural Correios do Rio de Janeiro, de 24 de novembro de 2021 a 23 de janeiro de 2022.
Muito feliz o grafiteiro prudentino que também é professor, diz que isso representa o reconhecimento de um trabalho feito com muita dedicação e que em alguns momentos eles artistas chegam a pensar que não conseguiram ter esse tipo de reconhecimento.
“Fiz a inscrição sem muitas pretensões, e para minha alegria três obras minhas foram aceitas para serem expostas nos lugares onde as exposições vão ocorrer”, alegra-se o artista. 
Sem muitas pretensões também, Itamar lembra que começou o projeto Lixo que Fala, onde trabalha com seus alunos arte com materiais retirados do lixo, e desde então tem sido agraciado com conquistas importantes.
“O projeto foi semifinalista do maior prêmio dado a um professor de arte, o ‘Arte na Escola Cidadã’, no ano seguinte fui vencedor do ‘Boas Práticas Pedagógicas’, tive recorde homologado pelo Ranking Brasil, com a maior imagem produzida com lixo eletrônico, e agora, minhas obras produzidas com materiais retirados do lixo estarão na Bela Bienal na Finlândia e Rio de Janeiro. Sem dúvidas, Deus é fiel apesar da minha infidelidade!”, agradece ao Pai celestial.
As três obras, feitas com lixo eletrônico em acrílico sobre disquetes por Itamar, quais foram selecionadas são simplesmente da bela, ousada e polêmica  Marilyn Monroe (65x75cm), do artista cinematográfico mais famoso da era do cinema mudo, Charlie Chaplien (60x80 cm - centímetros), e do pintor espanhol que foi destaque no mundo todo por suas composições insólitas e desconexas, Salvador Dali (65x85cm).
Itamar informa que está disponível para atender pedidos desde pequenos a grandes trabalhos, como de pinturas de telas a paredes, muros, murais, fachadas... enfim, ele transforma lixo eletrônico em arte, dá cor a muros deteriorados, pontos de ônibus, espaços urbanos degredados, etc. 

 

“Fiz a inscrição sem muitas pretensões, e para minha alegria três obras minhas foram aceitas para serem expostas nos lugares onde as exposições vão ocorrer”,

alegra-se o artista Itamar Xavier de Camargo

 

SERVIÇO
Para acompanhar mais o trabalho do professor e artista Itamar Xavier de Camargo é só seguir sua página no Instagram: @profesoritamarstreetart. Para contratar seus serviços, é só chamar no WhatsApp (18) 99812-0369.

 

Fotos: Cedidas

 

O artista cinematográfico mais famoso da era do cinema mudo, Charlie Chaplien 

 

Salvador Dali, o pintor espanhol que se destacou por suas composições insólitas e desconexas
 

Veja também