Memória

BILI INFANTE

COLUNA - BILI INFANTE

Data 01/06/2021
Horário 03:31

A coluna de hoje é dedicada à memória da querida Sueli Cristina Nifossi di Gesu, que faleceu, na última quinta-feira. Além de muitas saudades, Sueli deixou legado indelével de competência e filantropia em Teodoro Sampaio.

LEGADO
Em quase quatro décadas de serviços prestados ao povo teodorense, Sueli foi vereadora, secretária municipal de várias pastas e presidente de importantes entidades, como a Casa da Criança e a Casa Espírita Allan Kardec. Cabe destacar, também, a atuação da ilustre advogada no CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) e no Conseg (Conselho Comunitário de Segurança).

PRÊMIO
Vereadora na nona legislatura (2001-2004) da Câmara Municipal de Teodoro Sampaio, Sueli Di Gesu foi considerada pelo PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira) uma das cinco melhores vereadoras do partido no Brasil, por proposituras na área social.

HOSPITAL
A vasta folha de serviços prestados por Sueli a Teodoro Sampaio, foi coroada entre os anos de 2013 e 2020, período no qual a competente gestora presidiu a HRTS (Comissão Intervencionista do Hospital Regional). Sob o zeloso e eficiente comando de Sueli, o HRTS teve grande avanço, tanto em estrutura predial quanto em atendimento de saúde.

HOMENAGEM
O falecimento de Sueli Di Gesu causou grande consternação em Teodoro Sampaio. Foram várias as homenagens e manifestações de pesar. A prefeita Janda (PSD) decretou luto oficial de três dias no município. Em nota, o deputado estadual Mauro Bragato (PSDB) também manifestou sentimentos aos familiares e a toda população teodorense.

HOMENAGEM II
O Programa Parcerias Municipais, do governo do Estado de São Paulo emitiu nota pública de pesar pelo falecimento de Sueli Di Gesu, que, como secretária de Planejamento, Desenvolvimento Urbano e Habitação de Teodoro Sampaio, participava ativamente do programa de desenvolvimento paulista. 

SOLIDARIEDADE
Disse-lhe Jesus: "Eu sou a ressurreição e a vida. Aquele que crê em mim, ainda que morra, viverá”. Com o mais emblemático trecho do Evangelho de João, este colunista se solidariza com os queridos Rosário, Leandro, Flávia, Murilo, Gabriel e demais familiares. Fraterno abraço a todos.

Veja também