Motorista embriagado provoca acidente com vítimas na rodovia

Durante atendimento, equipe da polícia percebeu que homem apresentava “sinais notórios” de que havia ingerido bebida alcoólica

REGIÃO - ROBERTO KAWASAKI

Data 03/07/2020
Horário 11:04
Polícia Militar Rodoviária - Acidente ocorreu nas proximidades do km 590+900 metros Polícia Militar Rodoviária - Acidente ocorreu nas proximidades do km 590+900 metros Imagem: Polícia Militar Rodoviária - Acidente ocorreu nas proximidades do km 590+900 metros

Um homem de 35 anos foi preso por embriaguez ao volante, após se envolver em um acidente na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), em Adamantina. A batida ocorreu na noite de quinta-feira e deixou pessoas feridas.

O acusado, que trabalha como mototaxista, é morador de Osvaldo Cruz e conduzia um VW/Santana no sentido Lucélia a Flórida Paulista. No carro havia dois passageiros; uma dona de casa, 24 anos, e um cuidador, 19 anos.

Segundo a Polícia Militar Rodoviária, nas proximidades do km 590+900 metros, o motorista derivou à direita e chocou o carro contra a defensa metálica.

Diante do impacto, os ocupantes tiveram ferimentos de natureza leve e receberam os primeiros atendimentos médicos pela equipe de resgate da Concessionária Eixo SP. Na sequência, foram encaminhados ao pronto-socorro de Adamantina.

Sinais de embriaguez

De acordo com a polícia, em conversa com o condutor, a equipe percebeu “sinais notórios” de embriaguez, como olhos avermelhados, dispersão e odor etílico.

Então, o motorista foi convidado a ser submetido ao teste do etilômetro, que aferiu a quantia de 0,40 mg/l de álcool por litro de ar alveolar expelido pelos pulmões.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão em flagrante delito por embriaguez. O homem foi conduzido e apresentado na Delegacia de Polícia Judiciária de Adamantina, onde o delegado ratificou a voz de prisão em flagrante delito e elaborou os autos pertinentes, sem direito a fiança.

Veja também