Mulher de 39 anos é vítima de feminicídio em Prudente

Autor, de 48 anos, é usuário de drogas e estava internado, diz Polícia Civil; caso foi registrado como homicídio qualificado e violência doméstica

PRUDENTE - THIAGO MORELLO

Data 17/04/2020
Horário 21:14
Foto: Polícia Civil - Faca usada pelo autor do crime
Foto: Polícia Civil - Faca usada pelo autor do crime

Mais um caso de feminicídio foi registrado na região. Dessa vez, a vítima foi uma mulher de 39 anos, moradora o Parque Residencial Servantes 1, em Presidente Prudente. Segundo as informações da Polícia Civil, ela foi agredida pelo companheiro com um golpe de faca. O caso ocorreu hoje e foi registrado como homicídio qualificado e violência doméstica, por motivo de feminicídio.

No boletim de ocorrência, o policiamento narra que o autor, 48 anos, é usuário de drogas e estava internado na ala psiquiátrica do HR (Hospital Regional) de Presidente Prudente. Contudo, foi liberado ontem. No mesmo dia, ele teria fica sabendo que a vítima, sua ex-companheira, tinha obtido uma media protetiva contra ela, que o impedia de uma possível aproximação.

Mas ainda como informado no documento policial, hoje mesmo ele teria entrado em contato com a vítima, dizendo que ia até o imóvel para buscar as roupas dele. Ao chegar no local, a polícia diz que ele já estava armado com uma faca e desferiu uma facada na barriga da mulher, mesmo com a intervenção dos filhos.

Um adolescente de 14 anos, filho do casal, diante da situação, buscou uma faca na cozinha e também desferiu um golpe nas costas do pai.

Na sequência, o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar compareceram no local. O autor foi encaminhado ao HR sob escolta policial. Conforme a polícia, após receber alta, ele será preso, prestará depoimento e, posteriormente, encaminhado à audiência de custódia.

Já a vítima, o Hospital Regional relatou, por meio de nota, que a mulher deu entrada no pronto-socorro da unidade no início da tarde de hoje, com seu estado de saúde considerado “gravíssimo”, onde recebeu todos os cuidados da equipe médica e multiprofissional. “Devido à gravidade do seu quadro clínico, evoluiu à óbito às 13h”, completa.

Veja também