NOVAS REGRAS

PRUDENTE - Homéro Ferreira

Data 23/04/2020
Horário 03:04

Decreto esperado para esta quinta-feira irá ditar regras para a retomada de várias atividades econômicas em Prudente, notadamente no comércio. A publicação foi anunciada ontem pelo prefeito Nelson Bugalho (PSDB).

REUNIÃO DO COMITÊ

A decisão pela publicação do decreto foi tomada em reunião do Comitê de Contingenciamento do Coronavírus, realizada no teatro do Centro Cultural Matarazzo e com participação de representantes de vários segmentos.

UMA COISA CERTA

Embora a palavra flexibilização tenha sido abominada da discussão, pelo menos por parte do prefeito, é o que deverá estar ocorrendo. Até ontem à tarde não se sabia em quais termos, mas uma coisa era certa: exigência de medidas protetivas.

AS EXCEÇÕES

Outra coisa certa: as novas regras para os serviços não essenciais, pelo que foi discutido na reunião do comitê, não deverão contemplar templos religiosos, academia e as atividades comerciais em shoppings e galerias.

FORÇA DA PRESSÃO

Em razão dos muitos problemas econômicos, empresários e trabalhadores de vários setores vinham fazendo manifestações de insatisfação, sendo a maior delas no domingo passado em carreata no Parque do Povo.

OITO PREFEITOS

A Umas (União dos Municípios da Alta Sorocabana) mobilizou oito prefeitos ontem em Regente Feijó para discutir a flexibilização do isolamento social, incluindo o anfitrião Marco Rocha (PSDB) na condição de presidente da entidade municipalista.

OS PARTICIPANTES

Além de Rocha e Bugalho, participaram Roger Fernandes Gasques (Álvares Machado), Alair Batista (Taciba), Roberto Volpe (Santo Anastácio), Itamar dos Santos Silva (Narandiba), Dario Pinheiro (Caiabu) e Cássia Regina Furlan (Presidente Epitácio).

DIA MUNDIAL

Em ofício encaminhado ao diretor do Grupo Escoteiros Guayporé, Marcelo Costilho Jorge, o deputado Mauro Bragato (PSDB) fez uma saudação pelo Dia Mundial do Escoteiro, que transcorre nesta quinta-feira

MAIS DE 200

No ofício do parlamentar, constou que o movimento escoteiro está presente em 216 países e conta com mais de 55 milhões de integrantes, cujos princípios são pautados no desenvolvimento humano na promessa com Deus, consigo mesmo e com a pátria.

CALENDÁRIO MANTIDO

Em recente despacho do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), a ministra Rosa Weber indeferiu requerimento do senador Major Olimpio (PSL) no qual pedia o adiamento das eleições de outubro deste ano.

CONDIÇÕES MATERIAIS

No despacho, a ministra diz que ainda há condições materiais de cumprimento do calendário eleitoral, que cumpre datas e prazos estabelecidos pela legislação e Constituição Federal. A solicitação de adiamento foi por causa da pandemia.

Veja também