Pix - Nova Tecnologia de Pagamento 

Luis Isique

COLUNA - Luis Isique

Data 14/11/2020
Horário 06:44

A partir do dia 16, segunda-feira, o Pix entrará em operação. Já falamos do Pix aqui, vamos apenas relembrar.
O Pix é uma tecnologia e não um aplicativo, nem empresa. Essa tecnologia será obrigatória para os bancos com determinado número de clientes, para os outros será opcional.
Como você faz para pagar um serviço ou um produto? Pense em toda a jornada, do início até o final do pagamento que você faz para qualquer empresa ou pessoa, para adquirir produtos e serviços do seu dia a dia. 
Enfrentamos alguns problemas, como: a)  não podemos transferir ou pagar contas após as 22h; b) há limites de valores; c) erros de digitação da agência ou demais dados bancários; d) tributos municipais, estaduais e federais, tem banco que não permite, e por aí vai.
Já escrevemos aqui sobre o PicPay, sistema que hoje está muito mais popular - depois volte aqui na coluna e veja o artigo sobre o PicPay. Mas, o PicPay já está cadastrando seus clientes para usar o Pix.
Hoje iremos descrever melhor sobre o Pix, que é o novo sistema de pagamento do Banco Central Brasileiro. Com ele, será permitido utilizar o sistema de pagamento e transferência de dinheiro (virtual) para qualquer pessoa a qualquer horário, em qualquer dia, seja feriado ou finais de semana, e ainda com a promessa de que a transação não demore mais que dez segundos.
A forma de identificação será por meio de chaves cadastradas, que podem ser o número de CPF da pessoa, celular ou email. Se você tem conta em dois ou mais bancos, terá que cadastrar o número de celular em uma conta, o CPF em outra e o e-mail em outra. A tecnologia permitirá você transferir dinheiro para outra conta apenas com uma das chaves descritas anteriormente. O que hoje você deve passar CPF, número da conta, tipo da conta, agência bancária, você passará apenas sua chave. Muito mais fácil e prático, não é mesmo? 
Poderá ser utilizado por todas as instituições bancárias do Brasil, mas, o Pix não será bom para os grandes bancos e ainda para as máquinas de cartão. Você não precisará pagar mais pelo TED ou DOC, mas os serviços não irão desaparecer, os bancos ainda irão disponibilizar.
Será gratuito para pessoa física e jurídica, onde nesta poderá ter uma taxa, mas o Nubank (banco virtual) já avisou que não irá cobrar de quem já for seus clientes.
A tecnologia Pix será oficialmente disponibilizada em 16/11/2020, porém, no dia 05/10/2020, o Banco Central começou a validar a chave das pessoas que já realizaram o pré-cadastro através das suas instituições financeiras. 
Você precisa se atualizar e para isso criamos uma série no YouTube chamada Vá se Atualizar!, no canal do https://www.youtube.com/LuisIsique.
 

Veja também