Polícia Ambiental resgata aves de cativeiro em Mirante do Paranapanema

Flagrante resultou em autuação no valor de R$ 4 mil ao infrator; gaiolas também foram apreendidas

REGIÃO - ROBERTO KAWASAKI

Data 01/10/2020
Horário 11:50
Polícia Militar Ambiental - Gaiolas apreendidas serão destruídas pela polícia Polícia Militar Ambiental - Gaiolas apreendidas serão destruídas pela polícia Imagem: Polícia Militar Ambiental - Gaiolas apreendidas serão destruídas pela polícia

A Polícia Militar Ambiental resgatou diversas aves que eram mantidas em cativeiro, numa fazenda localizada em Mirante do Paranapanema. O flagrante ocorreu ontem, após denúncia.

De acordo com a 3ª Companhia de Policiamento Ambiental, o denunciante informou que no endereço havia pássaros da fauna silvestre criados de maneira irregular. Diante da informação, os policiais foram ao imóvel para averiguar o fato. 

No local, a equipe foi recepcionada por um homem de 18 anos que autorizou e acompanhou os militares no procedimento de vistoria.

Conforme a corporação, logo no primeiro momento a equipe encontrou oito aves, sendo cinco canários da terra e três coleiros papa capim. Como não foi apresentada a documentação do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), os policiais apreenderam os animais. 

Desta forma, foi lavrado um auto de infração ambiental no valor de R$ 4 mil por manter as aves da fauna silvestre nativa em cativeiro.

Além dos pássaros, também foram apreendidas seis gaiolas de arame que, posteriormente, serão destruídas. 

SAIBA MAIS

Polícia Ambiental liberta 13 aves silvestres que estavam em cativeiro

Polícia fecha o cerco contra criadores de aves

Veja também