Polícia Civil investiga grupo por receptação em Pirapozinho

Após identificar dupla, setor de investigação conseguiu chegar a uma terceira pessoa que estava com um celular furtado; esquema pode estar atrelado ao tráfico de drogas no município

REGIÃO - ROBERTO KAWASAKI

Data 07/05/2020
Horário 11:06
Polícia Civil - Investigação é comandada pela delegacia de Pirapozinho Foto: Polícia Civil - Investigação é comandada pela delegacia de Pirapozinho

A Polícia Civil investiga um grupo acusado por receptação em Pirapozinho. Durante buscas na quarta-feira, foi recuperado um aparelho celular que havia sido furtado em março. Ainda, houve apreensão de uma motocicleta de procedência suspeita.

A apuração começou com o furto do celular no final de março, em frente a uma loja de conveniência no município. Após tomar conhecimento dos fatos, os policiais passaram a fazer diligências para encontrar o aparelho.

Por meio de técnicas de investigações, a Polícia Civil identificou dois indivíduos, moradores de Pirapozinho e Narandiba. Com isso, houve novas diligências e, na quarta-feira, identificaram o terceiro envolvido, também morador de Pirapozinho.

Segundo a polícia, durante a abordagem o rapaz alegou ter comprado o celular de outro indivíduo – também identificado. Na residência do quarto acusado os policiais encontraram uma motocicleta.

SUPOSTA TROCA

POR DROGAS

A princípio, não foi possível identificar o veículo. Isso porque o mesmo apresentou bloqueio judicial e a placa não correspondia ao número do motor.

De acordo com a Polícia Civil, o homem é conhecido pela prática do tráfico de drogas. A suspeita é de que ele tenha pegado o celular e passado a droga para o furtador, e depois vendeu o aparelho. A hipótese está em fase de investigação pela delegacia de Pirapozinho.

A moto e celular foram apreendidos. Já os indivíduos foram liberados e serão indiciados por receptação após o término da análise policial.

Foto: Polícia Civil - Motocicleta estava na casa de um dos investigados

Foto: Polícia Civil - Aparelho celular pode ter sido trocado por drogas após o furto

 

Veja também