Quem está influenciando seu estilo de vida?

Jair Rodrigues Garcia Júnior

Vivemos tempos nos quais convivemos com profissões curiosas e mesmo impensáveis há apenas uma década atrás. Uma particularmente curiosa é a dos “digital influencers”, com seus milhares de seguidores. Óbvio que os publicitários desde sempre tiveram esse objetivo de influenciar os consumidores com suas campanhas de marketing, não raro usando para isso celebridades da TV, dos esportes etc.

Padrões

Sua vida segue padrões porque a organização e a rotina te fazem despender menos energia e torna o dia a dia um pouco menos estressante. Seria imensamente desgastante pensar e elaborar rotinas diferentes a cada dia: rota para ir ao trabalho, local para almoçar etc. Porém, quando alguém sugere algo diferente, você tende a aceitar, mesmo após alguns segundos de indecisão.

Cinco pessoas

Mas, e quando há sempre pessoas próximas sugerindo algo que não faz parte de seus padrões? É fato que algumas dessas sugestões constantes acabam se tornando, inconscientemente, seu novo padrão. A frase “Você é a média das cinco pessoas com quem mais convive”, do empreendedor Jim Rohn (foi mentor do palestrante motivacional Tony Robbins), é verdadeira para muitas pessoas.

Proximidade com iguais

Há tendência de se aproximar e manter relação com pessoas que têm valores semelhantes, que pensam e agem como você. Isso pode ser bom, mas pode também ter seus aspectos negativos. Dê uma pausa na leitura agora e liste num papel as cinco pessoas com quem convive com mais frequência, exceto seu cônjuge e filhos. Em geral a lista terá familiares, amigos, colegas de trabalho, de academia, de bar etc.

Tipo de influência

Hoje, a convivência constante pode acontecer também nas redes sociais, pois você vê diariamente os posts e lives dos mesmos “digital influencers”, que acabam atingindo o intento: influenciar seu comportamento. Você é realmente o senhor de seus comportamentos e do caminho que sua vida está seguindo ou esta determinação está sendo de terceiros, principalmente, as cinco pessoas com quem mais convive?

Escolhas

As pessoas têm incrível influência em seus comportamentos. Pense no estudante aplicado que passa a fazer parte de um grupo de relapsos, ou no jovem humilde que passa a trabalhar e conviver com pessoas de nível social elevado. Você é sujeito a estímulos e tem o poder de escolher, pelo menos, os estímulos que receberá com mais frequência. Ouvir opiniões discordantes pode também ser saudável para te fazer pensar, rever comportamentos e te aprimorar.

Mapa de relações

Seu estilo de vida depende, em boa proporção, das pessoas com quem convive. Faça o seu próprio mapa das pessoas mais próximas e as atividades que realiza com elas. E lembre-se: a força da gravidade ajuda mais a te puxar para o sofá do que para uma corrida no final da tarde de sábado. Por vezes, precisa de influências positivas frequentes para ser alguém melhor.

 

 Temos o poder de escolher os estímulos que receberemos.

 

Veja também