Readequações buscam dar segurança ao trânsito prudentino

Apesar das mudanças por parte do poder público, é importante que haja mudança no comportamento dos usuários das vias

PRUDENTE - ROBERTO KAWASAKI

Data 14/09/2021
Horário 05:12
Foto: Arquivo
Crescimento de Prudente enseja readequações viárias
Crescimento de Prudente enseja readequações viárias

O trânsito de veículos em Presidente Prudente é sempre tema de discussão entre os usuários, sejam eles pedestres ou os próprios motoristas. Assim como em demais cidades, principalmente as de grande porte, onde o fluxo de veículos é maior, é preciso que haja mudanças físicas nas áreas urbanas e rurais não somente por parte do poder público, mas no comportamento das pessoas que utilizam as vias.

De acordo com o major da reserva, Luiz Edson de Souza, secretário municipal de Mobilidade Urbana e Cooperação em Segurança Pública, quando o assunto é trânsito, um dos maiores desafios enfrentados atualmente pela pasta é desenvolver programas e campanhas de reeducação dos motoristas.

“A elevação dos índices de acidentes e autuações está diretamente ligada, principalmente, ao comportamento dos condutores”, afirma. Conforme o secretário, muitos desrespeitam as normas de trânsito e comprometem “sensivelmente” a segurança, o que coloca em risco as vidas das pessoas. 

Sendo assim, foi preciso elaborar e colocar em prática programas e campanhas de educação para o trânsito para alcançar todas as faixas etárias. “Nossa cidade está crescendo e se desenvolvendo muito. Diante desta evolução, são necessárias as readequações, a fim de acompanharmos de forma eficiente e segura este crescimento”, expõe.

Segundo o titular, adequações executadas recentemente deram mais fluidez no trânsito, e o reflexo será na redução do índice de acidentes nos locais onde foram implantadas, o que proporcionará “mais segurança” aos condutores e demais pessoas envolvidas no trânsito prudentino. 

mudanças na mobilidade urbana de presidente prudente
Arquivo/Roberto Kawasaki - Luiz Edson cita necessidades de readequações

Pontos a serem ajustados

Apesar dessas mudanças, alguns pontos ainda precisam ser ajustados, a exemplo da implantação de mais calçadas na região central de Presidente Prudente, mais especificamente, no quadrilátero central, conforme o secretário, e a revitalização da sinalização vertical, com indicações mais precisas dos dispositivos de trânsito e indicativas de localizações.

O titular da Semob também cita outras questões como a “direita livre”, que proporcionará mais fluidez no trânsito; readequação dos dispositivos de rotatórias; redução das conversões à esquerda nas principais avenidas, o que, segundo Luiz Edson, irá melhorar a fluidez e reduzir os acidentes. 

Outro assunto comentado na cidade é o transporte público municipal, que nos últimos meses foi pauta de discussão devido às paralisações em razão de atrasos salariais dos funcionários. De acordo com o secretário, é preciso que haja a readequação do sistema de transporte público, inclusive com readequação das linhas de ônibus e integração dos sistemas e terminais.

Ele ainda cita como ponto de reajuste a readequação e atualização do sistema semafórico. “Está antigo e ultrapassado, necessita de implantação de uma central semafórica, que interligue os principais semáforos da cidade”, afirma. 

PROJETOS FUTUROS DA SEMOB PARA OTIMIZAR O TRÂNSITO

  • Programa “Monitoramento Integral do Trânsito”, por meio de sistema de videomonitoramento;
  • Programa “Mais calçadas”;
  • Programa “Direita Livre”;
  • Programa “Readequação Rotatórias”;
  • Programa “Indicação de logradouros”
  • Programa “Redução de Conversão à Esquerda nas principais avenidas”.

Veja também