Ruy Moraes Terra: legado na pecuária brasileira 

Pecuarista faleceu aos 92 anos em decorrência da Covid-19; “Seu Ruy” deixa grande legado na criação do nelore mocho e de cavalos quarto de milha e paint horse

PRUDENTE - CAIO GERVAZONI

Data 14/07/2021
Horário 20:01
Foto: Facebook
Ruy Moraes Terra foi cofundador do Rancho Quarto de Milha de Presidente Prudente
Ruy Moraes Terra foi cofundador do Rancho Quarto de Milha de Presidente Prudente

Nesta quarta-feira, o pecuarista, selecionador e cofundador do Rancho Quarto de Milha de Presidente Prudente, Ruy Moraes Terra, morreu vítima da Covid-19. “Seu Ruy”, como era conhecido, tinha 92 anos. Ele nasceu em 1929 em Itapetininga (SP), município da região metropolitana de Sorocaba, e deixa a esposa Silvia Volpon Terra e cinco filhos (Denise, Silvana, Renata, Márcia e Ruy), 13 netos e um grande legado na pecuária.  
Contabilista de formação, Ruy Moraes Terra veio para a Presidente Prudente em meados da década de 50. Ministrou aulas no ensino público de Anhumas, entre 1955 e 1956, e depois rumou para os setores em que construiu um legado: a pecuária de corte; a seleção de bovinos da raça nelore mocho; e a equinocultura das raças quarto de milha e, posteriormente, paint horse. 
Ruy Moraes Terra Filho, o Ruyzinho, que trabalhava com o pai, fala sobre a contribuição de “Seu Ruy” para a pecuária. “Ele começou no ramo com o cunhado e pecuarista Domingo de Souza Medeiros. Meu pai foi um dos fundadores da raça nelore mocho, na fazenda Uirapuru, em 1955”, conta.  A região de Prudente, também, foi um dos núcleos pioneiros da cultura do cavalo quarto de milha. Em 1968, “Seu Ruy” começou com a criação da raça no Haras Terra. Na década 90, ele também se dedicou à cultura da variação paint horse. “Era um homem simples, do campo e apaixonado pela pecuária e por cavalos”, lembra o filho. 
Amigo próximo e também criador equino, Marcos Sá, lembra com alegria de “Seu Ruy”. “Um cara bom. Criador renomado, deixa um legado tanto na seleção do nelore quanto do quarto de milha. Ele foi ‘Hall da Fama’ da Associação Brasileira de Cavalos Quarto de Milha e pioneiro para a construção da arena no Rancho Quarto de Milha”. A arena foi a primeira coberta do Brasil e, atualmente, leva o seu nome. O pecuarista Ruy Moraes Terra foi um dos cofundadores e o primeiro presidente do rancho. 
O advogado Gustavo Bertoco, que atua em questões relacionadas à equinocultura há 15 anos, lamenta o falecimento e comenta a proatividade recente de “Seu Ruy” no cenário de criação de cavalos. “Hoje a equinocultura brasileira perde um dos seus baluartes. Há poucos anos, o senhor Ruy inaugurou um complexo equestre em Narandiba, que atualmente sedia grandes eventos”.  

Veja também