Saúde Bucal da Prefeitura de Prudente é destaque em premiação estadual

Tema do trabalho foi “Estratégias de Planejamento para a Retomada dos Atendimentos Odontológicos Eletivos em Tempos de Covid-19”

Saúde & Bem Estar - DA REDAÇÃO

Data 17/03/2021
Horário 14:03
Foto: Cedida
Pandemia exigiu questões de biossegurança para preservar a saúde do paciente e dos profissionais
Pandemia exigiu questões de biossegurança para preservar a saúde do paciente e dos profissionais

Mais uma vez, o serviço de odontologia da Prefeitura de Presidente Prudente é destaque em premiação estadual. A cidade recebeu menção honrosa no 10º Prêmio David Capistrano do 34° Congresso dos Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo, realizado na última quinta-feira.

O prêmio de maior honraria da Saúde Pública paulista teve como base o trabalho: “Estratégias de Planejamento para a Retomada dos Atendimentos Odontológicos Eletivos em Tempos de Covid-19”. “Foram mais de 500 trabalhos inscritos de todo Estado, divididos em nove temas da saúde em geral.  Sendo que foram selecionados apenas 20 trabalhos.

Prudente foi a única cidade premiada no tema Saúde Bucal”, ressalta a supervisora odontológica, Juliane Húngaro de Carvalho.

De acordo com a supervisora “é a maior premiação de nível estadual que já recebemos. Esse prêmio ajudará a divulgar o trabalho e servirá de referência para outros municípios através deste incentivo às experiências transformadoras, além de alcançar o reconhecimento da equipe, isso demonstra a qualidade da saúde bucal realizada pela Prefeitura de Prudente”, revela a coordenadora.

“Estar entre os vinte melhores trabalhos apresentados neste congresso é o reconhecimento da qualidade da saúde bucal do município, num momento tão delicado que estamos vivendo”, afirma o secretário de saúde, Delton Eustásio Ferraz.

Atendimento reorganizado

A elaboração deste trabalho partiu da necessidade de se reorganizar o atendimento odontológico com a chegada da Covid-19. A supervisora odontológica, Juliane Húngaro de Carvalho, relata que durante toda pandemia foram mantidos os atendimentos de urgência nesta área.

Para essa retomada foram seguidas todas as questões de biossegurança para preservar a saúde do paciente e dos profissionais, como paramentação do profissional, tempo de espera entre os pacientes para higienização, dentre outros protocolos de segurança.

“Houve uma grande preocupação com os riscos de contaminação desta nova doença, já que nossos pacientes precisam estar sem máscara durante os atendimentos”, destaca a supervisora.

“Com o passar dos meses, ocorreu a necessidade de se planejar alternativas seguras para a retomada dos atendimentos eletivos. Foi então formado o grupo gestor, com colaboradores de diversos tipos de serviços odontológicos ofertados pelo município que, através de reuniões presencias e virtuais, analisou tópicos estratégicos para a construção do plano de retomada dos atendimentos eletivos”.

O trabalho foi apresentado pelos profissionais da área odontológica: Juliane Húngaro de Carvalho Talita Magro Juvencio Moreira, Fatima Maria Tenório Ajalla, Stephanie Aurelio Pestana, Daniel de Lima Botero, Paulo Roberto Babosa Junior, Janayna Cruz Soares, Gustavo Cegato Vaz, Ângela Maria Silveira Sávio.

Outras premiações
Em 2013 houve a premiação Primeiro lugar Estadual na Premiação Brasil Sorridente e quarto lugar premiação nível Nacional

SERVIÇO: 
O atendimento das urgências odontológicas acontece nas 35 unidades básicas de saúde. Na rede de urgência: UPA Zona Norte: Segunda a sexta feira (17h às 21h). UPA Ana Jacinta  (13h às 17h), Pronto-Atendimento do Jardim Santana: Segunda a sexta feira (19h às 23h) e Sábados e domingos (7h às 19h).
 

Veja também