Tendências tecnológicas

Luis Isique

COLUNA - Luis Isique

Data 31/12/2020
Horário 06:05

O novo ano está chegando e nada melhor do que fazer algumas previsões, no nosso caso sobre tecnologia e inovação.
Acredito fortemente que a realidade aumentada e virtual irá se consolidar no mercado educacional. Tenho notado diversas aplicações que permitem os alunos verem animações sobre determinado tema folheando sua apostila e escolhendo através do QR-Code o que querem ver em movimento e voz.
A inteligência artificial se tornará mais eficiente em 2021. As empresas implementaram em seus algoritmos funcionalidades assustadoras para muitos. Eu vejo o mercado ligando para você ou enviando uma mensagem no seu WhatsApp falando que faz tempo que você não passa lá na frente e que o seu queijo predileto chegou. Aproveita ainda para avisar sua mãe que as verduras estão em promoção, conforme ela comprou semana passada.
As ligações irão diminuir ainda mais, as operadoras irão colapsar o serviço, pois não estão suportando o tráfego de vídeos e áudios através da tecnologia 4G, que irá forjar a entrada da tecnologia chinesa 5G no Brasil.
Quase toda a sua casa está consumindo ou enviando dados para a internet, diversos equipamentos de ar condicionado já possuem aplicativos que você consegue ligar, desligar e ver o consumo em tempo real, além de lâmpadas e demais eletrodomésticos que irão estar conectados à rede.
Os serviços governamentais municipais, estaduais e federais irão passar por forte migração tecnológica e quase todos os serviços que precisamos estarão à disposição através dos aplicativos de cada cidade e Estado.
Diversas empresas de tecnologia irão migrar para cidades onde possuem infraestrutura e ambientes capazes de receber as demandas técnicas e legislativas para elas aumentarem suas operações. 
O ensino a distância em quase todas as áreas do conhecimento irão superar o ensino presencial devido aos testes feitos às pressas em 2020, por conta da pandemia.
As empresas tradicionais de software, que foram febre de 1990 a 2000, começarão a sofrer quedas significativas devido à concorrência mundial de empresas mais ágeis e baratas. Para cada empresa tradicional de software, dez empresas novas já estão em operação no Brasil fazendo melhor e mais barato do que as tradicionais.
Há especulações que os processadores com nanotecnologia e tecnologia quântica entrarão no mercado brasileiro em 2021, não custarão barato, mas irão revolucionar o mercado.
Os celulares com duas ou mais câmeras irão se consolidar, porém, apenas duas marcas tendem a ficar no mercado.
Diversas iniciativas do governo estadual e federal irão aquecer a pesquisa ligada à inovação tecnológica, através de editais de linha de fomento para as instituições de ensino superior e ambientes de inovação.
Feliz ano novo!
 

Veja também