Vicentini Gomez lança livro ao público infantil

“Dos tempos em que eu tinha medos” é uma obra lúdica e interativa para ler, pintar, escrever e desenhar

VARIEDADES - OSLAINE SILVA

Data 06/04/2021
Horário 08:00
Foto: Divulgação
Mesmo durante a pandemia, Vicentini não se esqueceu das crianças que sempre o prestigiaram
Mesmo durante a pandemia, Vicentini não se esqueceu das crianças que sempre o prestigiaram

Aproveitando sua vasta experiência como ator, palhaço, mímico, cineasta e palestrante, Vicentini Gomez produziu uma obra lúdica e interativa para a garotada que está em casa ler, pintar, escrever e desenhar: "Dos tempos em que eu tinha medos". Durante a pandemia, o artista - que é prudentino, mas mora há anos na capital paulista - continuou escrevendo e não se esqueceu das crianças que sempre o prestigiaram. Especialmente por seu querido personagem Giuseppe na novela “Cúmplices de um resgate”, no SBT.
Vicentini destaca que o momento em que o mundo está vivendo é singular na história da humanidade onde a insegurança e o medo tomaram conta dos adultos diariamente pela pandemia e todos os acontecimentos, onde um tal bichinho chamado coronavírus espalha por todo o planeta o medo, a dor, o sofrimento e a morte!
“E as crianças não entendendo o que acontece por não poderem ir à escola, ao parquinho, à praça, andar de bicicleta, brincar com os amigos e ter que ficar recluso em casa com a família, experimentam uma situação estranha, inexplicável e um sentimento difícil de entender. E foi pensando neste contexto, que produzi uma obra que desperta a curiosidade e provoca o imaginário dos pequenos”, explica Vicentini.
Aproveitando de sua popularidade com as crianças por conta do personagem Giuseppe, Vicentini se propõe afazer palestras online e presenciais quando possível, aos alunos do ensino fundamental I, sobre o aprender brincando e como escrever uma obra de ficção. A palestra é gratuita, o aluno pagará apenas o preço do livro.
Vicentini Gomez atuou em mais de 20 telenovelas, com destaque para “Cúmplices de um resgate” no SBT, onde representou o italiano Giuseppe, amado pelas crianças, e ainda “Avenida Brasil” (Serjão – o atrapalhado sequestrador da Carminha) e “Joia Rara” (delegado Cavalcante), ambas na TV Globo.
Segundo Edgar dos Santos, o ilustrador do livro, ilustrar “Dos tempos em que eu tinha medos” foi mergulhar no fantástico mundo imaginário da criança. “Procurei transferir em cada traço, em cada cor, em cada luz, emoções diferentes, rememorando lembranças da criança que ainda existe em mim, buscando representar os elementos, à altura do conteúdo do livro”, expõe Edgar.

Depoimentos sobre a obra

“O fio condutor do livro é o sentimento do medo e os caminhos da sua superação. Ao longo da leitura surgem obstáculos que devem ser vencidos com a solução de problemas de geometria, um pouco de música, literatura e teatro, atendendo às competências gerais da BNCC [Base Nacional Comum Curricular]”. 
Prof. Jonas Soares de Souza
historiador

“Escrito de forma interdisciplinar e interativa, a obra aborda o medo e todas as relações que contemplam o universo socioemocional, com estrutura pedagógica para o trabalho de profissionais do campo da psicologia, educação, psicopedagogia e neuropsicopedagogia, no trato das análises cognitivas e comportamentais”. 
Prof. Me. Michel Martins
mestre em Educação, educador musical e  neuropsicopedagogo

SERVIÇO
Mais informações podem ser obtidas em https://dostemposemqueeutinhamedos.wordpress.com. O livro poderá ser adquirido por e-mail ou pelas redes sociais de Vicentini Gomez:
https://www.facebook.com/vicentinigomez
https://www.instagram.com/vicentinigomez
vicentinigomez@gmail.com


 

Veja também