Aumenta busca por produtos de skincare

Abihpec registra superávit nas vendas em 2020; dermatologista fala sobre os cuidados necessários

Saúde & Bem Estar - THIAGO MORELLO

Data 24/01/2021
Horário 11:28
Foto: Freepik
Cada vez mais as pessoas se preocupam em cuidados com a pele
Cada vez mais as pessoas se preocupam em cuidados com a pele

De acordo com a Abihpec (Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos), de janeiro a outubro de 2020, as vendas de cosméticos voltados a cuidados com o rosto registraram aumento de 30,9% no comparativo com o mesmo período do ano anterior. E para quem lida com as vendas desses itens em Presidente Prudente afirma que o cenário local seguiu da mesma forma, com destaque para o fortalecimento do chamado “skincare”.
Na tradução, o termo em inglês significa “cuidados com a pele”. E como mostra a pesquisa, não só a palavra em si, mas a prática tem sido cada vez mais disseminada entre as pessoas, que buscam por um cuidado maior com o rosto.
Os números do levantamento da Abihpec mostram esse aumento no cenário nacional. Contudo, a reportagem ouviu alguns estabelecimentos de Prudente que revendem produtos bases para realizar um skincare, e eles apontam que a situação local segue da mesma forma, de modo que a pandemia e o tempo maior em casa tenham impulsionado esse interesse maior pelo cuidado com a pele.
Por exemplo, na Bella Cosméticos, a responsável pelo marketing da empresa, Andressa Lima Miranda, ainda faz questão de listar o principal produto procurado: máscara facial. Ela detalha que o item é uma “arma” a mais na hora de fazer o skincare, pois acaba sendo válido para o rosto todo, e não somente algumas áreas. “Mas, de modo geral, a gente percebeu sim uma procura maior, e com clientes que até afirmaram que realizariam o procedimento pela primeira vez”, completa. Ainda de acordo com ela, isso também refletiu na venda de outros cosméticos, como shampoo importado e itens de depilação, “já que as pessoas tiveram de fazer alguns trabalhos em casa mesmo”.
Nessa mesma linha de raciocínio, na Ninha Cosméticos, o cenário foi igual. À reportagem, o estabelecimento expôs que as pessoas “aproveitaram o momento isoladas em casa, para cuidar mais da pele e do corpo em geral”. Com isso, além de destacar o aumento, o local também frisa que as máscaras faciais são as “queridinhas”.
Por outro lado, o estabelecimento lembra que alguns itens acabaram tendo menos consumo e, consequentemente, venda. Em um dos exemplos, o batom foi citado, em vista do uso de máscara, cobrindo a região da boca. “Deixaram de usar por ser uma preocupação a menos”, aponta.

Cuidados na prática

Desde 2017, a jovem Maria Clara Marra, de 23 anos, começou a dar mais atenção à pele dela. A prática ficou mais frequente, em vista de alguns problemas gerados por uma crise de acne, e com a intenção de evitar possíveis manchas e espinhas.
E por ter uma pele que vai de “normal a seca”, como ela mesmo diz, gosta bastante de hidratação, investindo assim em cremes hidratantes e muito protetor solar. “Esse é indispensável para qualquer pessoa e a utilização tem que ser diária. Faça chuva ou faça sol, pois precisamos proteger nossa pele da luz artificial também”, comenta. Além disso, Maria Clara ainda lembra que o procedimento preferido dela é a máscara de argila, e que é muito importante não pensar que só os produtos caros fazem efeito, uma vez que há outros acessíveis, naturais e com formulações mais simples.
“Cuido da minha pele todos os dias e reservo um dia da semana para fazer tratamentos específicos, como esfoliação, alguma máscara, argila, etc. Skincare em excesso não faz bem. Você precisa entender o que realmente é necessário e focar nisso, pois quando utiliza produtos demais, sua pele pode ficar sensibilizada. O importante é você utilizar algo que goste e nunca em excesso”, comenta Maria Clara.
E, além dos casos específicos, ela frisa que se você limpa sua pele diariamente e utiliza protetor solar, já tem meio caminho andado. “A outra parte do caminho está na alimentação e no consumo de água. Isso tudo reflete diretamente na saúde da sua pele”, afirma a jovem.

Dicas e esclarecimentos

A dermatologista Camila Montagna esclarece algumas dúvidas sobre o procedimento skincare e também dá dicas simples de como iniciar a prática:

1) O termo skincare faz referência a uma rotina de cuidados com a pele, possibilitando melhora na qualidade, na luminosidade, e na textura da pele;
2) A prática do procedimento contribui minimizando os danos solares e de outros agentes agressores da pele, como, por exemplo, a poluição;
3) Antes de buscar produtos para fazer um skincare, o ideal é a orientação de um especialista, o qual indicará o produto correto para o tipo de cada pele, levando a um melhor resultado, e evitando efeitos indesejados de produtos não indicados;
4) Não há contraindicações para a realização, pois todos os consumidores podem se beneficiar, desde que orientados por um especialista.

Foto: Roberto Kawasaki

dermatologista de presidente prudente fala sobre rotina de cuidados no skincare
Dermatologista esclarece algumas dúvidas sobre skincare

Veja também