Badminton: retorno seguro e importante para jovens atletas

Iniciativa do Sesi de Prudente, com o apoio do jornal O Imparcial, voltou com força total depois de meses parada em virtude da pandemia

Esportes - GABRIEL BUOSI

Data 30/04/2021
Horário 08:05
Foto: Cedida
Retorno gradativo respeita medidas de segurança contra a Covid-19
Retorno gradativo respeita medidas de segurança contra a Covid-19

Após meses longe das atividades práticas no ginásio do Sesi (Serviço Social da Indústria), parte dos alunos que praticam o badminton em Presidente Prudente voltou aos treinos recentemente por meio do Programa Atleta do Futuro. Com todos os cuidados sanitários em cumprimento, como forma de prevenção à Covid-19, as crianças, jovens e adolescentes fazem parte de uma iniciativa, em parceria com O Imparcial, que busca contribuir para a garantia do direito ao acesso a um esporte de qualidade, ao alinhar o esporte ao desenvolvimento dos participantes. 
“Essa parceria com o jornal é muito importante e vem desde 2013, quando iniciamos como pioneiros na cidade. A intenção é a de justamente ganhar mais espaço para falar sobre o badminton não apenas em Prudente, mas em toda a região”, afirmou a técnica responsável pelos alunos, Mayara Bacarin. A cumplicidade, de fato, foi importante, visto que, aliada ao trabalho da equipe, fez com que muitos conhecessem o esporte antes desconhecido pela população em geral. “Sabemos que ainda temos muito chão pela frente, mas as pessoas agora conhecem e apreciam a nossa modalidade”. 
O retorno ocorre de forma gradativa e para apenas 25% do total de alunos que antes ocupavam o ginásio do Sesi. Mesmo que com apenas parte da equipe, Mayara lembra ser importante essa volta à prática da atividade, uma vez que a intenção é melhorar também a qualidade de vida desses atletas. “Vai além da competição, queremos também trabalhar a parte física e social com eles, que muitas vezes estão ansiosos ou com medo em virtude desse cenário vivido”. 
Vale destacar que o programa promove formação e cultura esportiva, tudo oferecido gratuitamente para crianças e jovens de 6 a 17 anos. No badminton, além do distanciamento dentro do ginásio que é grande e arejado, as petecas são individuais, com identificação para que cada aluno toque com as mãos apenas a sua. O uso de máscara é regra durante todo o treino e há também cadeiras e mesas individuais para os pertences de cada um.



 

Veja também