Beleza de encher os olhos: ipês de Prudente

Floradas de ipês alteram a paisagem e promovem conforto psicológico aos prudentinos durante período pandêmico

REGIÃO - ANDRÉ ESTEVES

Data 02/07/2020
Horário 05:32
Ector Gervasoni - Espécies necessitam de baixa temperatura e maior estiagem para estimular a floração Foto: Ector Gervasoni - Espécies necessitam de baixa temperatura e maior estiagem para estimular a floração

Engana-se quem pensa que o florescimento de árvores só tem início durante a primavera. Os primeiros dias do inverno estão sendo marcados pela florada dos ipês, cujas cores vibrantes trazem beleza e um pouco de paz em meio ao estresse causado pela pandemia do novo coronavírus, a Covid-19.

Alguns exemplos desse espetáculo promovido pela natureza foram capturados pelas lentes do fotógrafo Ector Gervasoni no Campus 2 da Unoeste (Universidade do Oeste Paulista), em Presidente Prudente, onde as copas das árvores estão tomadas pela cor rosa, e a queda das flores forma um exuberante tapete natural ao redor das espécies.

De acordo com a Semea (Secretaria Municipal de Meio Ambiente), é normal que os ipês já comecem a florescer na estação conhecida como a mais fria do ano. Isso porque estas espécies necessitam de baixa temperatura e maior estiagem para estimular a floração. A florada dos ipês rosa e roxo é mais comum entre junho e agosto. O ipê amarelo floresce entre agosto e setembro. Já o ipê branco, de setembro a outubro, no entanto, caso ocorra a antecipação do frio e estiagem, pode florescer um pouco antes. “O ipê branco é a espécie cuja floração dura menos tempo – entre três a quatro dias por espécime”, aponta.

Segundo a pasta, Prudente é presenteada por mais de 12 espécies de ipê, que resultam em mais de 30 mil exemplares em estágios iniciais, médios e avançados de desenvolvimento. Para o município, os ipês são importantes porque tratam-se de espécies nativas que promovem a interação entre fauna e flora por meio de polinização e abrigo para aves. “Ao homem, promove conforto psicológico devido à coloração”, destaca.

Os benefícios dos ipês são tantos que a Prefeitura inaugurou, recentemente, o Parque Municipal dos Ipês, localizado às margens da Rodovia Raposo Tavares (SP-270). Trata-se de uma área de 14 hectares predominada pelo plantio de 3 mil mudas da espécie. Desta forma, a Semea enfatiza que, quando estiverem floridos, os ipês darão uma beleza significativa à entrada da cidade.

SOB SEU OLHAR
Se a paisagem da sua rua ou bairro também está ganhando novas cores com a florada dos ipês, compartilhe as fotos conosco. Envie sua contribuição para o WhatsApp da Redação (18 99104-8537), acompanhada de seu nome e o endereço onde a imagem foi feita.

 

Fotos Ector Gervasoni


Ipês rosa e roxo costumam florescer entre junho e agosto

 

Veja também