Escola promove competição em alusão aos Jogos

Esportes - André Esteves

Data 19/08/2016
Horário 08:49
 

Em clima de Olimpíadas! A Escola Municipal Rosy Odetty Roriz Brandão, localizada no Parque São Lucas em Presidente Prudente, encerra hoje o projeto esportivo "Miniolimpíadas Rosy", que conta com a participação de 314 alunos dos períodos da manhã e tarde. De acordo com a orientadora pedagógica da unidade, Elaine Viani Leal, substituta da atual diretora em licença, as modalidades já competidas foram queimada, revezamento de bola e água, e futebol, enquanto hoje, as crianças se aventuram em um jogo da velha humano e disputam as finais.

Conforme Elaine, os estudantes foram divididos em cinco turmas para cada período e todas receberam uma cor dos anéis olímpicos para representá-las. "Depois disso, elas fizeram a escolha do nome para as equipes e confeccionaram suas bandeiras", expõe. Na manhã, as cores azul, preto, vermelho, amarelo e verde são representadas pelas equipes Estrela Azul, Black White, Tigres, Águias Douradas e Os Cobras, respectivamente; já à tarde, entram na competição Lobo Cinzento, Lion, Red Power, Mascote de Ouro e Fênix, na ordem.

Jornal O Imparcial Uma das modalidades já competidas no evento foi o futebol

Segundo a orientadora pedagógica, as atividades servem para fomentar o interesse das crianças pelos Jogos Olímpicos, que estão em andamento no Rio de Janeiro. "O intuito desse projeto é trabalhar de forma divertida o que foi aprendido em sala de aula. Primeiramente, eles entraram em contato com a história do jogo e, nesse segundo momento, colocam algumas modalidades em prática", afirma. Ela conta que as três equipes vencedoras serão premiadas com adesivos que simbolizam as medalhas de ouro, prata e bronze, presentes na competição oficial.

Elaine realça que os alunos aprovaram a iniciativa, vestiram a camisa e levaram acessórios de torcida para a escola. "Estão empolgadíssimos!", frisa. Prestes a entrar em quadra para representar a Black White no futebol, a aluna de 11 anos do 5º ano, Maria Eduarda da Silva, elogiou a prática. "É um momento de grande aprendizado para todos, pois é a primeira vez que vivenciamos as Olimpíadas no Brasil. Para mim, é muito importante participar da competição e, independente de ganhar ou perder, já é uma vitória", aponta.

Também da equipe preta, a aluna Josiane Souza de Almeida, 10 anos, enfatizou que as atividades são uma forma de associar conhecimento com diversão. "Nós aprendemos o que são os Jogos Olímpicos, para que servem e o significado das cores. Agora, estamos fazendo nossa própria competição. Até o momento, já estamos classificados em queimada e revezamento de água. Só faltam as finais", pontua.

Na semana passada, para complementar os estudos, a escola recebeu a visita de atletas da Escola de Karatê Budô-Kan, do ex-velocista Eronildes Araújo, condutor da tocha olímpica durante a passagem do símbolo em Presidente Prudente, e de sua filha, que realizou uma apresentação de ginástica olímpica para os alunos.

 

Veja também