Geduc vistoria Escola Municipal Rui Berbert para diagnosticar situação pós-pandemia

Promotor de Justiça Marcos Akira acompanhou trabalho pedagógico e estrutural desenvolvido na unidade; procedimento ocorre em 28 cidades da região

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 19/10/2021
Horário 16:49
Foto: Marcos Sanches/Secom
Promotor Marcos Akira visitou Escola Municipal Rui Carlos Vieira Berbert
Promotor Marcos Akira visitou Escola Municipal Rui Carlos Vieira Berbert

O promotor de Justiça Marcos Akira esteve, nesta terça-feira, na Escola Municipal Rui Carlos Vieira Berbert, no Brasil Novo, em Presidente Prudente. A visita faz parte do projeto do Geduc (Grupo de Atuação Especial de Educação), do MPE (Ministério Público Estadual), que vistoria as escolas que integram os 28 municípios da área do Geduc.

Na ocasião, a secretária municipal de Educação, Joana D’arc Patrício do Nascimento, a diretora Gisele Salomão e a equipe pedagógica participaram de um bate-papo com o promotor, no qual falaram sobre o trabalho pedagógico e estrutural desenvolvido pelo município nesta proposta de retomada pós-pandemia.

Segundo o promotor, a ação integra um projeto iniciado pelo promotor de Justiça aposentado Luiz Antônio Miguel Ferreira. "A intenção é verificar a questão estrutural das escolas, conhecer de perto as dificuldades enfrentadas e também a parte pedagógica, sobretudo nesta pandemia, o suporte que está sendo dado às crianças", afirmou Akira.

O promotor lembrou que as visitas resultarão num diagnóstico a respeito da situação das escolas, sendo que em Prudente essa vistoria já está em fase de finalização. Segundo ele, o mesmo ocorrerá nos 28 municípios da área do Geduc.

O promotor ainda revela que, com o diagnóstico, a expectativa para esta retomada é positiva. “Tudo indica que a pandemia está caminhando para uma estabilização. O que a gente espera é que o retorno presencial de 100% seja com segurança”, pontuou.

Revitalização de escolas

Também nesta terça, os secretários municipais de Obras e Serviços Públicos e Educação, Mateus Grosso e Joana D’arc, e o chefe de gabinete, Jonas Martins, receberam a equipe da Projecta, formada por Roberto Ito, Sidney Garcia e Ana Carla Góes, no gabinete do Paço.

A reunião tratou sobre os projetos de reformas não estruturais que estão sendo desenvolvidos pela empresa, os quais contemplarão oito escolas da rede municipal de ensino: Maria do Socorro, Valter Marques, Domingos Ferreira de Medeiros, Jovita Terin, Irmã Nazarena Zamit, José Soares Marcondes, Carmem Pereira Delfim e Ocyr Azevedo.

De acordo com Joana D’arc, as unidades em questão foram escolhidas por serem as mais necessitadas. “O objetivo é de que a revitalização dessas oito escolas seja concluída antes do início do ano letivo de 2022”, relatou.

Conforme declaração do engenheiro civil da Projecta, Roberto Ito, a empresa realizou um estudo técnico nas unidades, que resultou em um levantamento dos pontos mais críticos. “Pintura, substituição de telhas, adequações em banheiros e instalação elétrica estão entre os principais pontos. Nos próximos dias, faremos a entrega de todos os projetos já concluídos”, explicou.

“Após a entrega dos projetos, será definida a execução dos reparos, em conformidade com os procedimentos legais”, concluiu Joana D'arc.

Foto: Marcos Sanches/Secom - Reunião discutiu revitalização de oito escolas da rede municipal de ensino

Veja também