Homem é preso ao tentar dispensar drogas e balança pelo vaso sanitário

Indivíduo chegou a colocar o enteado de 4 anos de idade na porta para barrar a entrada dos policiais civis; tráfico era realizado quando a companheira saía para trabalhar

PRUDENTE - ROBERTO KAWASAKI

Data 28/07/2021
Horário 09:17
Foto: Polícia Civil
Dois aparelhos celulares foram apreendidos na residência do investigado
Dois aparelhos celulares foram apreendidos na residência do investigado

Na manhã de ontem, a 2ª Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes), da Deic-8 (Divisão Especializada de Investigações Criminais), prendeu um homem de 26 anos por tráfico de drogas no Jardim Paraíso, em Presidente Prudente. O indivíduo foi detido no momento em que tentava se desfazer de drogas e balança de precisão pela privada do banheiro.

A informação de que o rapaz seria traficante e procurado pela Justiça chegou por meio de denúncia anônima. De acordo com a Polícia Civil, a equipe iniciou os trabalhos investigativos a fim de averiguar a veracidade da denúncia. Diante disso, os policiais estiveram no endereço e constataram a movimentação típica de tráfico de drogas.

No decorrer da investigação, a equipe soube que o homem residia no imóvel com sua convivente e com o filho dela. Ainda conforme a polícia, a venda de entorpecentes ocorria quando a mulher saía para trabalhar. 

Depois do levantamento de informações e indícios de que realmente o indivíduo realizava a venda de drogas, no final da manhã de ontem os policiais foram à residência, e verificaram que o portão social estava aberto. Eles chamaram pelo indiciado, que respondeu que “já iria sair”.

“Porém demorou muito para sair, assim, os policiais começaram a ouvir barulho de descarga contínua, sem parar. Novamente o chamaram, e por uma porta de vidro, viram que o indiciado colocou seu enteado [de 4 anos] na frente dela para impedir a entrada dos policiais”, explica a Polícia Civil. O homem novamente correu para o banheiro onde continuou com a descarga. 

“Saiu pela porta da garagem, muito nervoso, dizendo: ‘perdi, perdi’. Indagado sobre o que tinha dispensado na descarga, disse ter sido maconha”, afirma a polícia.

Dentro da casa os policiais localizaram entorpecentes e materiais para embalagem de droga, além de balança de precisão. Durante as buscas, a equipe verificou que a privada estava entupida, e diante da confissão de que havia dispensado entorpecentes, os policiais romperam o vaso sanitário e conseguiram localizar parte de outra balança de precisão, a qual ele tentou também dar descarga. Já no cano, havia duas porções de maconha embaladas.

Devido ao flagrante, foi dada voz de prisão ao denunciado, que já era procurado por tráfico e associação ao tráfico. Ele foi conduzido à sede da delegacia especializada, onde permaneceu preso. Dois aparelhos celulares também foram apreendidos e serão periciados para descobrir se há ou não o envolvimento de mais pessoas no comércio de drogas. 

Veja também