Inaugurado em PP, escritório da Jucesp visa agilizar trâmites

Abertura oficial da unidade regional da Junta Comercial do Estado de São Paulo foi ontem; atividades começam em janeiro e serão realizadas na Rua Dr. Gurgel, 1218, centro da cidade

PRUDENTE - BRUNO SAIA

Data 13/12/2016
Horário 07:13
 

Agilizar a abertura de empresas em Presidente Prudente, além de ajudar nos processos do dia a dia e na diminuição de tempo e burocracia das organizações, são as principais atribuições do escritório regional da Jucesp (Junta Comercial do Estado de São Paulo), inaugurado na tarde de ontem, na Rua Dr. Gurgel, 1218, no centro de Prudente.

"Todos os processos que vão para a Junta Comercial atrasam muito e a instalação do escritório permite um aumento no número de empresas", ressalta Vitalino Crellis, presidente do Sincomércio (Sindicato do Comércio Varejista de Presidente Prudente). Segundo ele, atualmente, o processo de abertura de uma nova empresa em Prudente pode levar até 60 dias e, com a Jucesp, este prazo pode cair para até, no máximo, uma semana. "Facilita muito", completa.

Jornal O Imparcial Lideranças contábeis do Estado e da região, além de empresários e parlamentares participaram do evento de inauguração, ontem

Para o presidente do Sescon-SP (Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas no Estado de São Paulo), Márcio Massao Shimomoto, além de facilitar o dia a dia dos empresários da região, o escritório vai garantir a simplificação, racionalização e agilidade nos processos de abertura, alteração e baixa de empresas. "É mais uma facilidade para nossa base na região e população de Prudente, tudo isso em um ambiente confortável, acessível e com toda a infraestrutura", explica o líder setorial.

 

Novos investimentos


"Essa era uma ação muito cobrada pelos empresários, que tinham que se deslocar para outros municípios para o registro de determinados processos", destaca o prefeito de Prudente, Milton Carlos de Mello, Tupã (PTB). "Em um momento difícil da economia, é preciso dar melhores condições para o empreendedor se instalar na cidade e garantir novos investimentos", completa o chefe do Executivo municipal, que também esteve presente na inauguração.

"O objetivo é facilitar a vida do empreendedor, que dispõe do capital dele, cria novos empregos, gera renda e agora terá um processo mais simplificado", concorda Sergio Itio Turuta, presidente da UEPP (União das Entidades de Presidente Prudente e Região).

A solenidade contou ainda com a presença de lideranças contábeis do Estado de São Paulo e da região, além de empresários, parlamentares e convidados. Entre eles estavam Jaime Marques Caldeira, 2º tesoureiro do Sindcontpp (Sindicato dos Contabilistas de Presidente Prudente); Victor Alves de Almeida Veiga, presidente da Assescopp (Associação das Empresas de Serviços Contábeis de Presidente Prudente); e Paula Jane Pelissari, assessora técnica da Vice-Presidência da Jucesp.

 

 

Veja também