Jornalista retoma Instagram @sinomar_reporter

Sinomar Calmona teve seu perfil com mais de 27 mil seguidores hackeado, após receber uma mensagem que aparentava ser do perfil oficial da rede social

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 06/03/2022
Horário 05:20
Foto: Reprodução
Sinomar deixa um alerta aos usuários da plataforma para que utilizem os meios de segurança
Sinomar deixa um alerta aos usuários da plataforma para que utilizem os meios de segurança

Após mais de 70 dias, a conta no Instagram do jornalista e digital influencer, Sinomar Calmona, foi recuperada. O diretor de O Imparcial perdeu o acesso ao seu perfil @sinomar_reporter, com mais de 27 mil seguidores, após receber uma mensagem que aparentava ser do perfil oficial do Instagram. A 4ª Vara Cível de Presidente Prudente concedeu, inclusive, uma liminar judicial para que o jornalista retomasse o acesso ao perfil. 

De volta à plataforma, o jornalista detalhou em vídeo que o hacker apagou mais 8 mil postagens de um acervo de informações e registros jornalístico conquistado ao longo de 10 anos. Nesta quarta-feira, portanto, após meses sem acesso ao seu perfil @sinomar_reporter, o jornalista recebeu uma mensagem da plataforma para reativar sua conta, e, para isso, foi necessário especificar algumas identificações.

Ao fim do processo, Sinomar conseguiu acesso ao seu antigo perfil. “O Instagram já havia recuperado minha conta há alguns dias. No meu perfil @sinomar_reporter, inclusive, é possível identificar que o hacker tentou recuperar minha conta na Turquia. Ou seja, mesmo o perfil não sendo dele, ele tentou recuperá-lo”, explica.

Após passar pelo transtorno envolvendo a rede social, Sinomar Calmona deixa um alerta aos usuários da plataforma para que utilizem os meios de segurança oferecidos, como a autenticação de dois fatores, um recurso que insere uma segunda verificação de identidade do usuário no momento do login, evitando o acesso às contas mesmo quando a senha é vazada. “Eu tinha quase 30 mil seguidores no @sinomar_reporter e perdi cerca de 3 mil. Por isso, oriento para que as pessoas utilizem esse recurso de segurança, pois se eu o tivesse feito, teria recuperado meu perfil no momento em que o hacker acessou minha conta”, enfatiza. 

 

ENTENDA

O CASO

Conforme noticiou este diário, no dia 11 de dezembro do ano passado, passando-se pela conta oficial do Instagram, o hacker supostamente de origem turca entrou em contato com o perfil de Sinomar pedindo para que o jornalista justificasse em 48h a postagem de um vídeo que “infringia as regras de direitos autorais da plataforma”. Ludibriado pela semelhança do perfil fake com o oficial da rede social norte-americana, o jornalista acabou por ceder suas informações de login e senha ao responder um formulário enviado pelo golpista. Com as informações sob posse do hacker, Sinomar perdeu o acesso ao seu perfil @sinomar_reporter.

No outro dia, o estelionatário turco entrou em contato com o jornalista por telefone e por mensagens através do WhatsApp, requisitando dinheiro para que Sinomar recuperasse o acesso ao perfil. Contudo, a vítima relatou que não respondeu a nenhuma mensagem.

O diretor de O Imparcial tentou utilizar diversos recursos para denunciar a conta junto ao Instagram, mas foi informado por meio de mensagem automática que a plataforma entraria em contato em um dia, porém, o jornalista não foi contatado, o que fez com ele entrasse na Justiça para restabelecer o acesso à conta. Na quarta-feira, 15 de dezembro, a 4ª Vara Cível de Presidente Prudente concedeu liminar favorável para que Sinomar restabeleça o controle da conta, caso contrário, o Facebook, empresa que a é dona do Instagram, teria que arcar com uma multa diária de R$1 mil para cada dia não cumprido.

 

GOLPES NA

INTERNET

Para compreender melhor o caso de Sinomar Calmona, a reportagem de O Imparcial conversou com o advogado Hugo Crivilim, que atualmente preside a Comissão de Direito Digital da 29ª Subseção da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), em Presidente Prudente de Presidente Prudente, em dezembro do ano passado. Na ocasião, Hugo listou algumas orientações a serem tomadas dentro de quatro categorias que, segundo ele, estão 90% associadas aos golpes por meio da internet. Conforme o advogado, uma delas está vinculada a mensagens e e-mails que colocam a vítima em situação de angústia ou receio. “Desconfiar de mensagens do tipo ‘você está violando termos da empresa x, clique aqui para solucionar’, que geralmente faz com que a pessoa fique angustiada ou aflita e caia neste tipo de artimanha”.

Em caso de fraude, o advogado orienta que a vítima deve protocolar boletim de ocorrência na Polícia Civil, buscar órgãos de defesa do consumidor como o Procon (Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor) ou efetuar uma reclamação junto ao Banco Central. “Aí também se insere o trabalho do advogado, que pode auxiliar e entrar com ações para identificação dos perfis falsos ou dos endereços IP’s [Protocolo da Internet] utilizados nas transações e, eventualmente, algum pedido de ressarcimento se for possível”, detalha o advogado especialista em Direito Digital.

DEPOIMENTOS

Após anunciar a volta da conta @sinomar_reporter ao seu Instagram, o jornalista Sinomar Calmona recebeu no messanger, centenas de mensagens de apoio e saudações de seguidores, inclusive do cantor Thiaguinho. Reproduzimos algumas delas:

 @thbarbosa: “Você é grande! Eterno! Tudo está eternizado no coração das pessoas! E nada apaga sua história e sua luta. Fique tranquilo. Deus vê tudo! Mais sucesso ainda!

 @celiadalbello12: “Sinomar, nosso Forestgump”

 @marcela.papa2019: “Força para você!”

 @mariaalicetrevisi: “São os desafios que a vida nos apresenta. Força e fé sempre!”

 @elizianee_nogueira: “Tenho certeza de que você voltou mais forte, porque sei que é guerreiro com princípios!! Deus te abençoe”

 @lucasbressaninpp: “Bem-vindo de volta meu amigo”

 @psicofiv: “Uma injustiça. Um valioso acervo que se foi. Seus valores e honra preservados. Profissional e homem admirável!”

 @diogoluispernas: “Podem levar a arma, mas o soldado não! Pra cima Sinomar, parabéns!”

 @soniamariapelegrini: “Os amigos continuam aqui e continuaremos te seguindo”

 @naufalandreia: “Você é um profissional ilibado, meu apoio e meu respeito”

 @giselebisacchiarquiteta: “Vitória! Você merece. Seu profissionalismo não será esquecido. Os registros se perderam, mas a sua dignidade continua intacta. Sucesso, hoje e sempre”

 @camolezyolanda: “Deus no comando, resposta para tudo isso. É que é seu homem nenhum põe a mão”.

 @delfim_ana: “Uma vivência triste, mas uma grandiosa aprendizagem. Deus te ilumine sempre!”

 @cacrema: “Me solidarizo com você. Sabemos do seu profissionalismo. Você vai reconquistar essas perdas”

 @renatamuchiutt: “Você não precisa do acervo apagado, pois está na memória dos prudenitnos, e isso ninguém apaga. Sucesso sempre!

 @tattimaeda: “Você é incrível @sinomar_reporter. Demorou, mas a justiça foi feita”

 @robertacampos_ideal: “Sua história faz parte da história de nossa cidade. Segue firme!”

 @iedamariavilella: “Parabéns pela luta e pela vitória. Resiliência é o que não te falta e faz de você um guerreiro vencedor. Que Deus continue te abençoando sempre!”

 @carlacochagas: “O bem sempre vence, mais cedo ou mais tarde”

 

 

 

 

 

 

Veja também