PM recupera carro roubado e prende dois indivíduos no distrito de Cuiabá Paulista

Homem de 53 anos relatou que marcou um encontro íntimo com a dupla, mas que foi surpreendido durante trajeto ao motel

REGIÃO - ROBERTO KAWASAKI

Data 19/10/2020
Horário 09:11
Polícia Militar - Carro foi encontrado abandonado depois do crime
Polícia Militar - Carro foi encontrado abandonado depois do crime

A Polícia Militar prendeu dois homens apontados como autores de um roubo a veículo ocorrido no sábado, na Rodovia Arlindo Bettio (SP-613), entre Teodoro Sampaio e Mirante do Paranapanema.

De acordo com a guarnição, a equipe fazia patrulhamento rural pelas proximidades do distrito de Cuiabá Paulista, quando foi informada sobre um roubo de veículo ocorrido no km 9.

Segundo o boletim de ocorrência, a vítima, um homem de 53 anos, havia sido deixado no trevo de Teodoro Sampaio. Com base nas características do carro, que tem placas de Colorado (PR), iniciaram-se as buscas. 

Com apoio de outra viatura e de um policial militar que estava de folga, as equipes conseguiram localizar o veículo abandonado no prolongamento da Avenida João Gonçalves dos Santos, distrito de Cuiabá Paulista. Em conversa com populares, foram informados de que os ocupantes haviam fugido pela vegetação e, posteriormente, vistos nas ruas.

Durante as buscas, os indivíduos foram localizados, sendo um de 20 anos e outro de 28, ambos moradores de Teodoro. De acordo com a polícia, em um primeiro momento, negaram o crime. No entanto, depois dos questionamentos dos militares a dupla confessou o roubo. 

Encontro marcado 

Na Delegacia de Polícia Civil, os indivíduos foram apresentados ao delegado de plantão. Conforme a delegacia, a vítima relatou que morava em Colorado (PR) e que há 15 quinze dias, conheceu uma pessoa no Facebook. Incialmente, mantiveram as primeiras conversas pela rede social, mas que depois os diálogos foram realizados pelo WhatsApp.

Segundo a Polícia Civil, ambos planejavam um encontro presencial.

No sábado, mantiveram novas conversas pelo aplicativo e combinaram de se encontrarem em Teodoro Sampaio, inclusive, com um primo do investigado. Desta forma, pegou seu veículo Hyundai/HB 20 e foi de encontro com a dupla.

Durante a viagem, os ocupantes supostamente sugeriram para que dirigisse com destino a um motel, às margens da Rodovia Arlindo Bettio. De acordo com a vítima, eles passaram a perguntar se havia alguma arma no interior do automóvel, o que causou "estranheza e receio".


Polícia Militar - Acredita-se que a chave do carro tenha sido dispensada pela dupla

Empurrado para fora

Nas proximidades do km 9, um dos autores exigiu que o condutor parasse o veículo e descesse. Nesse momento, tentou fazer uma manobra de conversão, mas o acusado acionou o freio de mão do veículo que parou no acostamento. Na sequência, o motorista foi empurrado para fora do automóvel. 

Um dos acusados, que teria feito contato com a vítima, assumiu a direção do veículo e saiu com o suposto primo em direção a Mirante do Paranapanema. A vítima retornou a Teodoro Sampaio a pé para pedir ajuda.

De acordo com a Polícia Civil, o celular da vítima onde constava a conversa com o acusado não foi encontrado, uma vez que estava dentro do carro e pode ter sido dispensado pelos investigados, assim como a chave do veículo. 

Os criminosos também foram ouvidos e, segundo a polícia, alegaram que caminhavam pelas ruas de Teodoro Sampaio quando um indivíduo com um veículo Hyundai/HB 20 parou e perguntou se queriam entrar no carro. Aceitaram o convite e seguiram sentido ao motel “para curtir”. Quando, no trajeto da rodovia, tiveram um desentendimento sobre o encontro íntimo e, diante da situação, deixaram o motorista na estrada e fugiram com o automóvel.

“A narrativa apresentada pelos capturados desafia o senso comum, principalmente em razão da alegação de que sequer conheciam o motorista, mas que aceitaram entrar no carro do ‘desconhecido’ para irem com destino ao motel, para no caminho, obrigarem a vítima, mediante grave ameaça, a descer e fugirem com o veículo, conflitando, desse modo, totalmente com as declarações detalhadas da vítima”, descreveu o delegado que ratificou a prisão em flagrante por roubo.

Os acusados foram conduzidos à Cadeia Pública de Presidente Venceslau onde permanecem à disposição da Justiça.

SAIBA MAIS

Motorista de aplicativo é feito refém durante assalto em Pirapozinho

Idoso tem o carro roubado no Jardim Morada do Sol

Veja também