Prefeitura de Anastácio inicia testagem de alunos para retomada das aulas presenciais

Objetivo é verificar quantas crianças já tiveram contato com a Covid-19 antes de retornarem às salas de aula; levantamento segue até sexta

REGIÃO - DA REDAÇÃO

Data 26/07/2021
Horário 18:22
Foto: Prefeitura de Santo Anastácio
Hoje, a ação ocorreu na Escola Municipal Enrico Bertoni
Hoje, a ação ocorreu na Escola Municipal Enrico Bertoni

A Prefeitura de Santo Anastácio, por meio da Secretaria de Educação em parceria com a Secretaria da Saúde, deu início na tarde desta segunda-feira ao levantamento sorológico com alunos das escolas das redes municipal e estadual.

Hoje, a ação ocorreu na Escola Municipal Enrico Bertoni, onde 222 crianças e adolescentes foram convidados a comparecer para a realização do teste, que traz o resultado em 20 minutos.

Amanhã, será a vez da escola Osvaldo Ranazzi; na quarta-feira, da unidade Alice Maciel Sanches; na quinta-feira, das escolas Tertuliano de Arêa Leão e Alberico da Silva César; e na sexta-feira, da unidade de educação infantil Alice Silva Guariento.

A iniciativa de testagem antes da retomada gradual e facultativa das aulas presenciais, prevista para o início de agosto, integra um conjunto de ações dedicadas ao controle da pandemia, caso sejam encontrados casos de contaminação pela Covid-19.

“Essa amostragem permite a compreensão de como o vírus está se comportando em meio à comunidade escolar. Essas informações vão compor o banco de dados da Secretaria da Saúde, para que a autoridade sanitária do município possa tomar providências o mais rápido possível”, enfatiza a secretária municipal de Educação, Leila Corsaletti.

O teste sorológico feito em crianças com idades entre seis e 11 anos é capaz de identificar a infecção pela Covid-19 por meio de punção digital. “Dessa forma, a presença de anticorpos específicos no corpo, conhecidos como IGM e IGG, é capaz de dizer se a criança teve contato com a doença”, explica a enfermeira Francielle Sevilha da Cunha, responsável pelo Centro de Covid de Santo Anastácio.

Para a diretora da escola Enrico Bertoni, Maria Cristina Veiga Martins, a testagem é de grande importância nesse período que antecede a retomada das aulas nas escolas da rede municipal. “A dimensão de quantas crianças foram infectadas ou tiveram contato com o vírus proporciona uma volta mais segura, tanto para os próprios alunos quanto para os profissionais que atuam nas escolas da Prefeitura”, avalia.

Veja também