Primavera

Sandro Villar

O Espadachim, um cronista a favor do tango e do orangotango

CRÔNICA - Sandro Villar

Data 23/09/2020
Horário 05:30

Depois de um longo e tenebroso inverno, mais por causa das altas temperaturas, eis que chegou a primavera, a estação mais charmosa do ano (li isto em algum lugar). Poetas e compositores costumam ficar inspirados pela primavera e acabam produzindo belas poesias e canções.
Mário Quintana, por exemplo, escreveu um poema e, entre as canções, uma das mais famosas é "Primavera", grande sucesso do Tim Maia. Os autores são Cassiano e Sílvio Rochael, mas descobri que eles podem não ser os verdadeiros compositores da bela canção.
O autor verdadeiro seria o cantor e compositor Lino Catita, meu amigo de longa data e com quem trabalhei. Muito tempo depois ele fez uma revelação bombástica: "Procurei o Tim Maia e também falei com o Cassiano. Ofereci a música", contou Catita e, no caso, a música é "Primavera", talvez o maior sucesso do Tim Maia.
Catita deixou claro que foi enganado por Cassiano, que teria se apoderado indevidamente da canção, como se fosse ele o autor em parceria com Rochael. Lino Catita não denunciou, não botou a boca no trombone à época em que a música foi gravada e já faz tempo. Ele, no entanto, me garantiu que é o verdadeiro autor de "Primavera". Agora, não adianta, digamos, alimentar polêmicas, mas fica aqui o registro.
Ainda sobre canções com o tema primavera, vale a pena ouvir "Canção da Primavera", gravada por Nara Leão. Bela letra e ótima música. Não descobri o nome do compositor, mas acho que a canção é da própria Nara, a musa da bossa nova.
"A primavera chegou trazendo quem eu sempre quis. Meu coração já sorri porque você voltou", dizem dois versos aqui adaptados. Em outro trecho, Nara Leão canta que "paira no ar um aroma de felicidade". Belo demais.
A cantora também gravou "Primavera", o clássico da bossa nova de autoria de Carlo Lyra e Vinícius de Moraes. Além da Nara, outros cantores, talvez uma dezena deles, também gravaram esta canção, sem contar as gravações de orquestras e conjuntos. Também belo demais.
Se me permitem outro "também", também vale citar "Estão Voltando as Flores", do compositor Paulo Soledade, que, se não me engano, também era fotógrafo. Marcha-rancho lindíssima, com versos simples e sensacionais. "Vê, estão voltando as flores. Vê, há esperança ainda", diz um dos versos. Uma das melhores gravações é a da cantora Helena de Lima, mas Dalva de Oliveira e Emílio Santiago também capricharam em suas versões de "Estão Voltando as Flores". A primavera também está na obra "As Quatro Estações", de Vivaldi, e no cinema. Lembro-me do filme "Primavera de Uma Solteirona", mas confesso que não me recordo mais dos detalhes.
Por falar em primavera, e a Primavera Árabe", hein? Ficou só naquilo? Ditadores do Oriente Médio - são muitos - se borraram de medo e fico a imaginar uma primavera no "quintal dos EUA", a "nossa" triste América Latina, cujas veias estão abertas, como dizia o escritor uruguaio Eduardo Galeano. 

DROPS

Pelo jeito o Produto Interno Bruto só beneficia os brutos.

Meu nome é 2020, mas podem me chamar de 1964.

As cataratas do Iguaçu são a salvação do turismo. A catarata é o ganha-pão do oftalmologista.

Perguntinha inocente: o Tico e o Teco estão a bordo do teco-teco?
 

Veja também