Prudente entra no roteiro do Rally dos Sertões 2022

Município, o único do Estado e da região Sudeste a integrar o trajeto, receberá o final da 2ª etapa, no dia 28 de agosto, que sairá de Umuarama (PR); itinerário está em fase de elaboração

Esportes - DA REDAÇÃO

Data 27/04/2022
Horário 16:07
Foto: Cedida
Ed Thomas participou na noite de terça do evento de apresentação do Sertões 2022
Ed Thomas participou na noite de terça do evento de apresentação do Sertões 2022

O prefeito Ed Thomas e o secretário municipal de Turismo (Setur), Adolfo Padilha, participaram na noite de ontem, do evento de apresentação do Sertões 2022 (o Rally dos Sertões), realizado na escadaria do Museu do Ipiranga, em São Paulo (SP). Na ocasião, Presidente Prudente foi anunciada como uma das 14 cidades do Brasil a receber o percurso oficial da competição.
O município, o único do Estado de São Paulo e da região Sudeste no roteiro, receberá o final da segunda etapa, no dia 28 de agosto, que sairá de Umuarama (PR). No dia 29 agosto, Presidente Prudente será o ponto de partida da terceira etapa, com destino a Campo Grande (MS). O itinerário que será percorrido na cidade está em fase de elaboração e será divulgado nos próximos dias.
A promoção do evento em Prudente é de responsabilidade da Feapp (Federação das Entidades Assistenciais de Presidente Prudente), com apoio da Prefeitura. Segundo Padilha, a passagem por Presidente Prudente será um ponto alto da prova. “É nessa etapa que os competidores saem do Sudeste e seguem para o Centro-Oeste do país”, explicou.
Ed Thomas evidenciou a importância de receber um evento desta magnitude. “É uma honra oferecer apoio para a vinda deste evento histórico e que vai cruzar as cinco regiões do Brasil. Ver o nome de Presidente Prudente neste contexto é motivo de orgulho, além de uma oportunidade para fomentar toda a cadeia turística e dar visibilidade à nossa cidade, que é capital de uma região com 53 municípios do Pontal do Paranapanema. É aqui que começa o Estado de São Paulo”, afirmou.

Sertões 30 terá 15 dias de provas 

Nesta edição, em que celebra 30 anos de história, o Rally dos Sertões deixará de ser o maior rally da América Latina para se tornar o maior do mundo, superando o Dakar. Serão 15 dias de provas, nas cinco regiões do país, passando por oito Estados: Paraná, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Tocantins, Piauí, Maranhão e Pará.
A prova começará em Foz do Iguaçu, no Paraná, e seguirá para o norte, passando por Presidente Prudente, em São Paulo; Campo Grande, em Mato Grosso do Sul; Barra do Garças, em Mato Grosso; Palmas, no Tocantins, dentre outras cidades sedes. Eles percorrerão 7.216 km, com 4.811 km de competição plena.
A largada da prova ocorrerá em Foz do Iguaçu, de onde os competidores seguirão para Umuarama, no mesmo Estado. O trecho entre o Paraná e Presidente Prudente, explica a organização, será o mais difícil da história da prova. Isso porque haverá desafios aos pilotos - que correrão em pistas agrícolas de velocidade elevada - e demandas ainda maiores aos navegadores, que precisarão decifrar rotas com complexidade inédita e entre plantações de cana. 
As novidades deste ano são duas provas à parte, para quem não puder fazer o percurso completo: Sertões Sul e Sertões Norte. Prudente integra o roteiro do trajeto sul. O primeiro, de 26 de agosto a 3 de setembro  com um prólogo, sete etapas e término em Palmas (TO). Palmas é também o ponto de partida para o segundo, também com sete etapas, que vai de 4 a 10 de setembro.
O evento também conta com dimensões sociais e ambientais. Em 2022, a startup social SAS Brasil (Saúde e Alegria no Sertões) realizará sua 10ª Expedição de saúde no Sertões. O plano é contemplar até sete cidades em cinco regiões do Brasil e realizar mais de 16 mil atendimentos para populações carentes, beneficiando a vida de mais de 20 mil pessoas e impactando diretamente a fila de espera do SUS (Sistema Único de Saúde) para especialidades como oftalmopediatria, odontopediatria, dermatologia e ginecologia.
“30 anos de Sertões, mais de 120 cidades percorridas ao longo destes anos. Que venham mais 30 anos! Mas para isso precisamos continuar cuidando das cidades anfitriãs, das pessoas e do meio ambiente. Mais do que levantar poeira, o Sertões quer movimentar a economia das cidades e deixar um legado por onde passa: com a SAS Brasil, nossa ação social; com o Sertões Cultural e com parceiros que ajudam a tornar tudo isso uma realidade”, declarou Leonora Guedes, COO do Sertões.
 
SERVIÇO
Os interessados em participar da competição podem se inscrever pelo site oficial sertoes.com, mediante o pagamento da taxa. Há quatro modalidades: carro, moto, UTV e Quadri.
 
Jairo Tardelli/Reprodução

Trecho entre o Paraná e Prudente, explica a organização, será o mais difícil da história da prova

Veja também