26 entidades de PP recebem 61 mil peças arrecadadas

Material distribuído foi o recolhido em 2 mutirões realizados em bairros do município; recebimento de roupas, calçados e cobertores prossegue em postos fixos até o dia 28 de julho

PRUDENTE - MELLINA DOMINATO

Data 12/05/2017
Horário 10:12
 

O Fundo Social de Solidariedade de Presidente Prudente, em parceria com o Tiro de Guerra, entregou na manhã ontem mais de 61 mil peças de roupas, calçados e cobertores arrecadados nos dois mutirões da Campanha do Agasalho, para representantes de 26 entidades. Segundo a primeira-dama e presidente do Fundo Social, Lisiane Bugalho, o material recolhido nos mais diversos bairros da cidade foi dividido igualmente entre as associações: 59 sacos de roupas, quatro pacotes com calçados e 26 cobertores, para cada uma. O recebimento de agasalhos prossegue nos pontos fixos até 28 de julho.Jornal O Imparcial

"Este ano superamos as expectativas e a boa notícia é que as peças arrecadadas estão em ótimas condições de uso em relação ao ano passado, principalmente os cobertores", disse Lisiane, depois de entregar simbolicamente um saco de peças de roupas para os representantes das três primeiras entidades a chegarem à sede do TG, ontem. Na sequência, os atiradores auxiliaram os beneficiados a colocar os pacotes recebidos em seus respectivos veículos.

"São mais de 61 mil peças recebidas, sendo que ainda nem está tão frio. Essa quantidade demonstra o espírito de solidariedade que move a nossa cidade. Para todas as pessoas que tiraram do seu guarda-roupa para doar ao próximo, o meu agradecimento. Que esta ação continue", declarou o chefe do Executivo, Nelson Roberto Bugalho (PTB).

 

Beneficiados

A Pastoral Social da Paróquia São Judas Tadeu foi representada na solenidade por Dulcilene de Osti Botta. A voluntária explica que a entidade promove o projeto Banho Solidário, que consiste em um banheiro "itinerante", que vai ao encontro da população em situação de rua, todas as segundas e quintas-feiras. "Além do Banho Solidário, atendemos a mais de 30 famílias. Então, os produtos que recebemos na campanha são de suma importância, por isso não deixamos de participar. Vai dar para suprir a demanda, atendendo pelo inverno e o restante do ano", relata.

Vagner Garcia, do projeto Dai-vos de Comer, também estava no TG para retirar os agasalhos destinados à entidade que representa, a qual possui mais de 30 pessoas cadastradas. Conta que, além das roupas, a associação ainda leva comida aos moradores de rua de Prudente todas as quintas-feiras. "Já são três anos que participamos da campanha. O material que recebemos não dá para os 12 meses, então, acabamos arrecadando praticamente durante o ano todo", diz. Pontua que o projeto doa aos assistidos os chamados kits, formados por duas calças, duas camisetas, uma bermuda, meias, cuecas e produtos de higiene pessoal.

 

Pontos fixos

Lisiane faz questão de recordar que a campanha segue até 28 de julho, nos pontos de coleta. "O tempo tem oscilado bastante, entre frio e calor, mas a gente ainda precisa de muitos agasalhos, principalmente cobertores. Então, fica aqui o nosso apelo", frisa. Os interessados em cooperar com a ação podem se dirigir aos pontos fixos que ficam nas bases da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, TG, Fundo Social, Banco do Brasil (calçadão), Banco Bradesco, CEF (Caixa Econômica Federal), Santander, Banco Itaú, farmácias Botica Nativa e Magistral, lojas Fórum e Estilo, faculdades, escolas, supermercados, Microlins, CNA, Cultura Inglesa, Aeroporto Estadual, empresas em geral, agência Raro, O Imparcial, condomínios, escoteiros Guayporé e Monte Carmelo,  Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), secretarias da Prefeitura/Sassom/Prudenprev, clubes de serviços, como Lions e Rotary, além de órgãos estaduais e federais.

 

 

Veja também