Borat: A fira de cinema seguinte

Cinemateca

COLUNA - Cinemateca

Data 03/03/2021
Horário 07:02

 

Chocante

Em 2006 o mundo conheceu e se chocou com “Borat” protagonizado por Sacha Baron Cohen, um tipo de humor totalmente novo que foi um completo divisor de águas, uma vez que não economizam em relatar o politicamente incorreto, preconceitos e principalmente a “liberdade” em cena. Toda essa liberdade nos faz perguntar: onde acaba o improviso e começa a encenação?
 

Genial

: Com uma linguagem hibrida e trocadilhos bem-criados, o trunfo da produção é enganar o espectador a todo momento. Também é interessante observar quando a câmera começa a se confundir e os elementos que antes era uma piada, se tornam dramáticos. Em 2020, antes da eleição presidencial americana, somos presenteados com a continuação do repórter do Cazaquistão que já havia se tornado ícone da cultura pop.
 

Caótico

 Com uma produção menos caótico, um timing correto e um texto afiado, vemos a perfeita construção de humor, critica e deboche em cena. A sequência, vem após 15 anos e, por conta de seu reconhecimento internacional, Borat tem que se disfarçar para se misturar a multidão. A grande jogada é usar de um país mais “atrasado” e conservador, para escandalizar toda a intolerância e alienação americana.
 

Negacionismo

 Depois de sua redenção a seu país, ele e sua filha, voltam aos EUA e se “mesclam” aos comícios partidários pré-campanha e observam as teorias da conspiração que surgiram durante a pandemia, nada mais atual que a mistura de negacionismo e ignorância! 
 

Cômico

 O absurdo cômico permanece e, ele decide “doar” sua filha aos poderosos do alto escalão para tentar contato com o então atual presidente Donald Trump. Para “socializar” melhor, ele adere ao discurso alienado e negacionista americano para satirizar de forma didática e mostrar que nossa realidade é mais terrível que qualquer ficção.
 

Aclamado

: Outra crítica fundamental dessa história é apontar o “endurecimento da população” que passou a acreditar em redes sociais e questionar grandes portais de notícias. Boa parte do sucesso do segundo filme é por conta de Maria Bakalova, que roubou a cena e impressionou com uma performance Ímpar. Será que um dia teremos uma sociedade tão desenvolvida que personagens como Borat vão se tornar desnecessários? O filme está disponível na Amazon Prime Vídeo e se consagrou como uma comédia de primeira após levar o Globo de Ouro no último domingo (28).

SIGA: Para saber mais siga @cine.macoteca no Instagram e fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos filmes e séries!
 

Veja também