Mulher morre atropelada após escapar de acidente

Vítima era passageira de uma motocicleta, conduzida por um homem supostamente embriagado; segundo a polícia, ele também não possui habilitação

REGIÃO - ROBERTO KAWASAKI

Data 27/07/2020
Horário 08:41
Reprodução/Rádio Metrópole/Portal Metrópole - Caso será investigado pela Polícia Civil Reprodução/Rádio Metrópole/Portal Metrópole - Caso será investigado pela Polícia Civil Imagem: Reprodução/Rádio Metrópole/Portal Metrópole - Caso será investigado pela Polícia Civil

Na madrugada de domingo, uma mulher de 30 anos morreu após ser atropelada na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), em Osvaldo Cruz. Momentos antes, ela havia escapado de um primeiro acidente.

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária, a vítima fatal era passageira de uma motocicleta, conduzida por um homem de 27 anos – ambos foram identificados como moradores de Birigui (SP).

Conforme o policiamento, a motocicleta transitava no sentido Parapuã a Inúbia Paulista, quando por motivos a serem esclarecidos, o condutor perdeu o controle da direção e tombou o veículo na pista.

Após o acidente, a passageira permaneceu na faixa de rolamento, porém, acabou sendo atropelada por um carro que seguia no sentido contrário.

A Polícia Militar Rodoviária fez o teste de etilômetro no condutor do automóvel, que deu negativo para ingestão de álcool. Já no motociclista, que é inabilitado, contatou-se 0,21 mg/l álcool por litro de ar alveolar.

Os autos de infrações pertinentes foram elaborados, e o caso será investigado pela Polícia Civil.

Veja também