Polícia Civil conclui inquérito sobre morte de atleta da Semepp

Dois homens foram indiciados por homicídio duplamente qualificado por motivo fútil e diminuição da possibilidade de defesa ou resistência

PRUDENTE - ROBERTO KAWASAKI

Data 04/08/2021
Horário 17:25
Foto: Reprodução/Facebook
Luiz Henrique Tomaz tinha 26 anos, era instrutor de kung fu e atleta da Semepp
Luiz Henrique Tomaz tinha 26 anos, era instrutor de kung fu e atleta da Semepp

A 3ª Delegacia de Homicídios da Deic-8 (Divisão Especializada de Investigações Criminais) encerrou hoje o inquérito sobre a morte do atleta Luiz Henrique Tomaz. O rapaz de 26 anos foi morto na madrugada de domingo, 11 de julho, após um desentendimento com moradores de rua. 

Na mesma semana, dois homens identificados como autores do crime foram presos. O indivíduo de 31 anos é apontado como autor do esfaqueamento, e outro, de 20 anos, foi quem teria segurado Luiz Henrique pelas costas no momento do golpe com faca, após a vítima já ter sofrido agressões físicas. 

De acordo com o delegado de Polícia Civil, Claudinei Alves, eles responderão por homicídio duplamente qualificado, por motivo fútil e diminuição da possibilidade de defesa ou resistência da vítima. 

A partir de agora, o inquérito será encaminhado ao Ministério Público, e posteriormente ao Poder Judiciário.

Conforme noticiado por O Imparcial, as agressões ocorreram após uma briga em uma conveniência que fica na Avenida Brasil, perto do Terminal Rodoviário Comendador José Lemes Soares. 

Depois de ser esfaqueado, Luiz Henrique conseguiu chegar ao estacionamento da rodoviária, onde caiu e permaneceu desacordado. Segundo a Polícia Militar, ele estava com ferimento no tórax, mais precisamente, embaixo do braço direito. 

A vítima foi levada ao HR (Hospital Regional) Doutor Domingos Leonardo Cerávolo, onde passou por atendimento médico. No entanto, não resistiu e morreu no começo da tarde.

Luiz Henrique Tomaz tinha 26 anos, era instrutor de kung fu e atleta da Semepp (Secretaria Municipal de Esportes).

SAIBA MAIS

Homem morre após ser encontrado ferido no estacionamento da rodoviária

Homenagem e missa de 7º dia trazem memórias de atleta assassinado

Veja também