Publicidade

Rapaz chega “nervoso” do trabalho e desfere soco na esposa

Na frente dos policiais, o autor do crime afirmou que, caso fosse preso, sairia e mataria a vítima

PRUDENTE - ROBERTO KAWASAKI

Data 17/01/2020
Horário 08:57

Uma mulher de 37 anos foi agredida dentro da própria casa depois que o marido voltou “nervoso” do trabalho. O fato ocorreu na noite de quinta-feira, no Conjunto Habitacional Augusto de Paula, em Presidente Prudente. Na frente dos policiais, o acusado, 26 anos, chegou a afirmar que mataria a mulher, caso fosse preso.

Conforme a Polícia Militar, a guarnição chegou ao endereço quando recebeu um chamado de desinteligência entre casal. No local, o indivíduo teria confirmado a agressão e, ainda, segundo os policiais, disse que se fosse conduzido para a delegacia, retornaria e atearia fogo no carro e moto da vítima.

Aos policiais, a vítima disse que o companheiro “chegou nervoso do trabalho” e houve uma discussão entre ambos. Durante a briga, ele desferiu um soco contra ela, o que resultou em luta corporal.

“Disse que, no que dependesse da vontade dela, ele não seria processado”, relata a polícia.

Ao ser questionado pela Polícia Civil, o acusado afirmou que chegou à residência e a mulher trancou a porta. Diante disso, ele quebrou a porta e entrou em luta com a companheira, o que resultou em ferimentos.

O médico legista foi acionado para examinar o casal.

O homem foi preso pelos crimes de lesão corporal, violência doméstica e ameaça.

Veja também