Rede Lucy Montoro de Prudente será a mais moderna em tecnologia e tratamentos do Estado

Unidade, que conta com um investimento de R$ 23,5 milhões, também é considerada como a 3ª  maior da unidade federativa; início das obras está previsto para março deste ano

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 04/02/2022
Horário 19:11
Foto: O Imparcial
Célia: “Pessoa com deficiência será atendida de forma gratuita e com grandes profissionais”
Célia: “Pessoa com deficiência será atendida de forma gratuita e com grandes profissionais”

Em junho do ano passado, durante visita à capital do oeste paulista, o governador João Doria (PSDB) autorizou a construção da Rede de Reabilitação Lucy Montoro, em Presidente Prudente, para atendimento de pessoas com deficiência física, visual e auditiva. No início da tarde desta sexta-feira, o governador retornou à cidade para o lançamento da pedra fundamental da rede, que será instalada no Parque Residencial Servantes, e terá obras iniciadas a partir março deste ano. A unidade, que contará com um investimento de R$ 23,5 milhões, é considerada a terceira maior do Estado e a mais moderna em tecnologia e tratamentos da unidade federativa. 
Referência no tratamento de reabilitação para pacientes com deficiências incapacitantes, o Instituto Lucy Montoro de Presidente Prudente vai beneficiar diretamente 45 municípios, abrangendo uma população total estimada de 780 mil habitantes. A nova unidade terá 2.972,36 m² de área construída.
A obra está orçada em R$ 23,5 milhões, e a estrutura completa prevê duas alas e uma área externa com estacionamento com 72 vagas. A unidade também contará com espaço para treino de marcha e convivência para os pacientes, além de um jardim sensorial.

Investimento de R$ 23,5 mi

Conforme anunciado pelo governador, a unidade prudentina da Rede de Reabilitação Lucy Montoro deverá ser entregue em 18 meses após o início das obras. “O nosso objetivo é que em março as obras já estejam iniciadas, pois os projetos já estão aprovados e os recursos destinados”, afirmou Doria. 
Durante passagem por Presidente Prudente, o titular da Secretaria Estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn, reforçou a importância da comitiva do governo estar na cidade para o lançamento da pedra fundamental e do edital de contratação da nova unidade da rede. “Essa será a 20ª unidade disponível no Estado de São Paulo. É a preocupação do Estado, junto ao trabalho incansável da secretária de Direitos da Pessoa com Deficiência, Célia Leão, para que a reabilitação das pessoas com deficiência seja realmente atendida”, apontou o secretário. 
Ainda segundo Gorinchteyn, diferente do que se vê nas outras unidades da rede, a prudentina também atenderá pessoas com deficiências auditiva e visual. “Esse investimento vai permitir que todos que tenham incapacidades físicas permanentes possam ser reabilitados aqui [Presidente Prudente], além daqueles que tenham incapacidades auditivas e visuais”, reforçou. 

Foto: O Imparcial


Jean Gorinchteyn: “Unidade em Prudente também atenderá pessoas com deficiências auditiva e visual”

A secretária estadual de Direitos da Pessoa com Deficiência, Célia Leão, por sua vez, destacou que a unidade prudentina será a terceira maior do Estado em investimento, atendimento, acomodação e equipamentos dos mais modernos utilizados para reabilitação. “Atualmente, 700 mil pessoas moram no Pontal do Paranapanema, e, destas, 70 mil são pessoas com deficiência. Portanto, todos que tiverem deficiência visual, auditiva ou física serão atendidas de forma gratuita e com grandes profissionais”, declarou a titular.

"Obra da região"

Na ocasião, o prefeito de Presidente Prudente, Ed Thomas (PSB), explicou a mudança de local da rede, que estava prevista para ser instalada no Pátio Municipal de Veículos, na Avenida Presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira. O atual local escolhido – Rua João Joaquim Galindo-1, no Parque Residencial Servantes – dá acesso, através Rodovia Raposo Tavares (SP-270), aos 53 municípios da 10ª RA (Região Administrativa) do Estado de São Paulo, em especial dos 45 que utilizam a saúde em Presidente Prudente.
“Vai ser um lugar de muita luz e de movimento de pessoas que vão ser reconstruídas através do dinheiro público, que é o mais bem investido do mundo. Essa não é uma obra de Presidente Prudente, mas de toda a região. Todos nós teremos que cuidar deste local”, enfatizou o prefeito da capital do oeste paulista. 

Foto: O Imparcial


Ed Thomas pontuou que a unidade será de toda região

SAIBA MAIS
A Rede de Reabilitação Lucy Montoro faz parte de um centro governamental de atendimento às pessoas com deficiência e seus familiares. Tem como objetivo proporcionar o melhor e mais avançado tratamento de reabilitação para pacientes com deficiências físicas incapacitantes, motoras e sensório-motoras, e, para isso, realiza programas de reabilitação específicos, de acordo com as características de cada paciente. Os tratamentos são realizados por equipes multidisciplinares compostas por profissionais especializados em reabilitação, entre médicos fisiatras, oftalmologista e otorrinolaringologista, enfermagem, assistente social, fisioterapeuta, fonoaudiologia, psicologia, terapeuta ocupacional, profissional de educação física, pedagogia, profissional especializado em orientação e mobilidade, e, em regime mais flexível, poderá haver apoio de profissional da nutrição, entre outros.

Fotos: O Imparcial 


Governador veio a Prudente para lançamento da pedra fundamental da Rede Lucy Montoro

MAIS INFORMAÇÕES

Morro do Diabo recebe reforma e modernização das edificações

Estado destina R$ 27,6 milhões para ampliação de creches e escolas da região 

Veja também